Início » Brasil » Menor suspeito de ajudar a planejar ataque em Suzano é apreendido
SÃO PAULO

Menor suspeito de ajudar a planejar ataque em Suzano é apreendido

Apesar de ter negado envolvimento, a polícia encontrou conversas entre o jovem e os assassinos que morreram durante o massacre na escola

Menor suspeito de ajudar a planejar ataque em Suzano é apreendido
O jovem ficará detido por pelo menos 45 dias (Foto: Agência Brasil/Rovena Rosa)

Foi preso na manhã desta terça-feira, 19, o menor suspeito de ajudar a planejar o ataque a tiros da Escola Estadual Raul Brasil, que deixou dez mortos em Suzano, na Grande São Paulo. O jovem, de apenas 17 anos, foi detido em casa e levado para o Instituto Médico Legal para exame de corpo de delito.

Apesar de ter negado à Justiça o envolvimento no crime, o celular do jovem e dos assassinos que morreram durante o ataque a tiros foram analisados e, segundo a polícia, os aparelhos continham conversas explícitas sobre o planejamento das mortes. Devido aos novos fatos, o promotor Rafael do Val solicitou à Justiça a apreensão do menor. A juíza Erica Marcelina Cruz, da 1ª vara de Suzano, autorizou o pedido de reclusão.

A internação provisória do jovem é de 45 dias, podendo se prorrogada dependendo do depoimento do mesmo, análise de sanidade e outros fatores.

Um representante da Comissão da Criança e do Adolescente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)  irá acompanhar o menor no fórum, onde será decidido para qual unidade da Fundação Casa ele será internado. Segundo a OAB, o jovem tem advogado constituído.

De acordo com a assessoria do Tribunal de Justiça de São Paulo, caso não seja encontrado nenhuma vaga em unidades da Fundação Casa, o menor deverá ficar pelo prazo máximo de cinco dias em uma cela especial de cadeia aguardando pela vaga na instituição.

Fontes:
G1-Polícia apreende menor suspeito de ajudar a planejar massacre a escola em Suzano

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *