Início » Cultura » Nasce Ernest Hemingway, escritor americano
NESTA DATA

Nasce Ernest Hemingway, escritor americano

No dia 21 de julho de 1899, nasce o famoso escritor americano, cujas obras ainda influenciam a literatura mundial

Nasce Ernest Hemingway, escritor americano
Ganhou o Prêmio Pulitzer e o Prêmio Nobel de Litratura por 'O Velho e o Mar' (Foto: Wikipedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Nascido em 21 de julho de 1899, em Oak Park, no estado de Illinois, Ernest Hemingway foi um consagrado escritor norte-americano. Entre seus maiores destaques estão os livros “Por Quem os Sinos Dobram” e “O Velho e o Mar”, este último tendo lhe rendido o Prêmio Pulitzer em 1953 e o Prêmio Nobel de Literatura em 1954.

Filho de um médico da zona rural, cresceu em contato com um ambiente pobre e rude, que conheceu ao acompanhar o trabalho do pai na região. Esse ambiente foi descrito em seu livro de contos In Our Time (1925).

Trabalhava como repórter para um jornal em Kansas City, quando alistou-se no exército italiano em 1916. Foi gravemente ferido na frente de batalha, e permanceu um longo tempo hospitalizado. Ao deixar o hospital, passa a trabalhar como correspondente em Paris. Em 1926, publica O Sol Também Se Levanta, livro que obteria um sucesso surpreendente.

Foi um dos principais representantes do ciclo literário norte-americano iniciado nos anos 20, o da “geração perdida”. Famoso pelo estilo de vida aventureiro, sua biografia e obra têm como cenários as touradas na Espanha, caçadas submarina em Cuba e safáris na África. Hemingway era fascinado pelo perigo e pela vida selvagem.

Ernest Hemingway levou para a literatura o estilo sintético do jornalismo. Nota-se essa concisão principalmente em obras que refletem sua experiência pessoal. No livro “O Sol se Levanta” relata o cotidiano de um grupo de expatriados boêmios, ingleses e norte-americanos, em Paris e Pamplona, depois da Primeira Guerra Mundial. No romance “Por Quem os Sinos Dobram” relata a história passada na Guerra Civil Espanhola, de um americano que se ligara à causa da legalidade na Espanha.

Casou várias vezes, morou durante muitos anos em Cuba, tornando-se amigo de Fidel Castro.

Muito doente, Hemingway suicidou-se em sua casa de Ketchum, em Idaho (EUA), em 2 de julho de 1961. Seu corpo foi sepultado no condado de Blaine , em Idaho.

Fontes:
E-Biografias-Ernest Hemingway

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *