Início » Economia » Nacional » Prefeitura do Rio de Janeiro: propostas de Marcelo Freixo
eleições 2012

Prefeitura do Rio de Janeiro: propostas de Marcelo Freixo

Confira as principais propostas do candidato Marcelo Freixo

Prefeitura do Rio de Janeiro: propostas de Marcelo Freixo
Candidato do PSol a prefeito, Marcelo Freixo (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

As eleições municipais acontecem nos próximos dias 7 e 28 de outubro. Os candidatos a prefeito e vereador já divulgam suas propostas para convencer os eleitores. O Opinião e Notícia listou as metas de governo dos três principais candidatos à prefeitura do Rio de Janeiro. Abaixo, confira as propostas de Marcelo Freixo, candidato a prefeito pelo partido PSol.

Leia também: Propostas de Eduardo Paes
Leia também: Propostas de Rodrigo Maia

Saúde: Melhorar a gestão das UPAs e das clínicas da família. Redefinir os rumos do atendimento ambulatorial e de urgência. Interromper o processo de judicialização da saúde. Aprimorar a logística de distribuição de medicamentos nos postos de saúde. Criar um laboratório municipal de saúde pública para aumentar a oferta de exames. Melhorar a política de atenção ao idoso. Acabar com as filas de macas e o atendimento nos corredores dos hospitais. Capacitar os servidores para o atendimento humanizado.

Educação: Ampliar os investimentos em educação com a aplicação do mínimo constitucional de 25% de verbas municipais em educação, aumentando os investimentos progressivamente. Preparar a rede de escolas e os profissionais de educação para a implementação do horário integral. Incentivar a qualificação do profissional de educação com oferta de formação continuada e em serviço. Ampliar o tempo de funcionamento das creches e pré-escolas para as famílias que necessitam, oferecendo atendimento noturno às crianças cujos pais trabalham à noite.

Moradia: Fim da política de remoções. Reestruturar a capacidade da Secretaria Municipal de Habitação nas ações de regularização urbanística e fundiária de favelas. Construir indicadores  para a avaliação das condições de habitabilidade nas comunidades. Mapear e desestimular a presença de imóveis subutilizados e vazios. Fortalecer programas de produção de moradias que não dependam de mecanismos de mercado. Redirecionar o programa “Minha Casa, Minha Vida” no município do Rio. Criar um programa municipal de assistência técnica para a requalificação sanitária das favelas.

Transportes: Criar imediatamente o Fundo Municipal de Transportes e realizar estudos e planejamentos para a criação de novas categorias de tarifa. Realizar uma auditoria na licitação dos ônibus de 2010 para verificar as condições de legalidade, moralidade, razoabilidade, sustentabilidade econômica, eficiência e publicidade dos contratos e dos atos decorrentes desses contratos. Ampliar o Bilhete Único ao Metrô e às vans.

Desenvolvimento socioeconômico: Iniciar um processo franco e aberto de reforma tributária municipal, que permita uma avaliação ampla da planta de valores e do sistema de cobrança de IPTU/ITBI e alíquotas do ISS. Planejar a implantação dos fundos municipais que ainda não foram totalmente implementados. Promover uma ampla auditoria na dívida pública do município, analisando o impacto de médio e longo prazo dos contratos e convênios estipulados para sua consolidação. Criar condições para fazer do Rio um verdadeiro pólo tecnológico global. Criar uma nova cultura de transparência e eficiência para a realização de licitações segundo o volume de recursos.

Meio Ambiente e Defesa Civil: Implementar uma política séria e continuada para a manutenção e recuperação de ecossistemas nativos. Construir um plano metropolitano de despoluição da Baía de Guanabara e da Baía de Sepetiba. Reconhecer a importância de praças, parques e bosques, recuperando os espaços públicos e abrir novas áreas nos bairros mais carentes. Regulamentar e aplicar a lei do descomissionamento, que visa o controle e fiscalização de atividades poluidoras. Criar uma política municipal de recursos hídricos. Apoiar uma reestruturação da Cedae. Ampliar a rede de estações meteorológicas digitais da GeoRio.

Defesa Civil: Instituir um programa de assistência a vítimas de situações de emergência.

Cultura: A Secretaria Municipal de Cultura deve assumir o controle do carnaval e só transferir recursos para as escolas que tiverem enredos com contrapartida cultural. Implementar uma política cultural voltada para a infância. Articular a gestão das lonas culturais com as escolas municipais de cada região. Ampliar a política de recuperação de salas de teatro e demais equipamentos culturais.

Gestão da cidade: Restabelecer a função social da cidade. Criar uma Secretaria Municipal de Planejamento (SePlan), com atribuições de produção e disseminação de dados, organização dos processos de participação pública, planejamento setorial e territorial, social e ambiental, com estrutura diretamente integrada às demais secretarias. Criar uma plataforma digital no formato de um Gabinete Virtual, gerida pela SePlan, e adotar uma estratégia de transparência total, garantindo acesso universal às informações orçamentárias do Município.

Comércio: Implantação de políticas públicas para proteger e estimular as lojas e estabelecimentos de rua fora do eixo Centro-Zona Sul.

Turismo: valorizar o turismo para além dos pontos de visitação tradicionais.

Assistência social: Rever os conceitos e técnicas de abordagem e tratamento da população em situação de rua e dos usuários de drogas, com especial atenção para o crack. Apoiar as modalidades de acolhimento institucional. Criar uma força-tarefa para fiscalizar a execução de convênios e contratos administrativos de abrigos privados que recebam subvenções públicas no município. Ampliar o serviço de apoio psicológico e social às famílias de usuários de drogas lícitas e ilícitas.

Segurança: Conversão da Secretaria Especial de Ordem Pública num espaço de gestão da segurança no município. Elaborar um Plano Municipal de Segurança Cidadã. Promover a desmilitarização e a refundação da Guarda Municipal como órgão público. Trabalhar pela prevenção da exploração sexual infanto-juvenil. Implementar a UPP social em comunidades.

Diversidade: Criar o Conselho Municipal de Defesa da Diversidade Sexual. Criar o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Reinstituir o Conselho Municipal dos Direitos do Negro. Fortalecer o Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente. Fortalecer o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. Garantir políticas de prevenção à saúde da população LGBTT. Investir na formação de professores e em material pedagógico para combater o machismo, a homofobia e a discriminação racial nas escol

 

Leia também: Propostas de Eduardo Paes

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

10 Opiniões

  1. Francisco das chagas da rocha pimentel disse:

    Olá Marcelo Freixo. Vou apostar nas suas propostas para melhorar um pouco o nosso estado.. Moro na ilha do governador , e gostaria que você olhasse com carinho o nosso bairro. A nossa vila olímpica esta parada a anos, e não vi nenhuma mobilização por parte dos administradores locais…

  2. Roberto amaral disse:

    Boa tarde! Sou Taxista.legalizado e regularizado há 5 anos. Qual a sua posição com relação aos serviços de transportes irregulares promovido por aplicativos,como uber e outros?
    O que pretende fazer ,uma vez sendo eleito?

  3. Jair disse:

    Deus, chega de socialismo!
    Até nisso estamos atrasados. Essa estória acabou desde a queda do muro de Berlim.
    Queiram ou não,quem manda no mundo é o mercado! Ou se adapta a isso ou vive para sempre no subdesenvolvimento.

  4. Jair disse:

    Roberto,

    Sinto lhe informar mas o uber e seus concorrentes são uma tendência mundial. Ou vc se adapta aos novos tempos ou vai perder muito dinheiro. Agora é assim ! Não tem mais volta

  5. mauricio ramos disse:

    sou guarda municipal ,tenho quinze anos de serviço e ainda nao vim promoçao nenhuma neste tempo ,nem a lei 13022 estao querendo cumprir,muitos na mesma situaçao e nada foi feito ate hoje,nos so estamos querendo o nosso direito promoçao ,o q vc tem a dizer sobre isso pois tem um grupo q tem cargo de comando e os demais teve os direitos de promoçoes tirado. entendo q tudo e so politica ,so nao dar pra entender os prefeito depois q se elege e depois se reelege ganha o direito a se aposentar so nao entendo por que nao olha pela a classe .

  6. mauricio ramos disse:

    a classe esta querendo que a lei 13022 seja cumprida,se nao for do seu agrado que a classe trabalhe armada, mesmo estando garantida por lei e pelo estatuto do desarmamento ,libere apenas o porte particular fora do serviço, para a segurança do agente, pois os mesmos nao poderao ficar aguardando a policia militar, uma vez que a sua propia integridade e ameaçada a todo tempo.o porte nos daria segurança no nossos deslocamento da residencias dos gms para o trabalho, trabalhamos na rua e muitas vezes somos abordados pelos cidadaes querendo resposta por ter os seus pertence roubado ou furtados o q diremos a esses contribuintes que pagam os seus impostos.

  7. Marco Soares disse:

    Prezado Sr.,
    Já votei na sua candidatura por entender que era uma pessoa séria. Acompanhei sua trajetória durante um tempo até 2013, quanto vi seu nome envolvido nas manifestações que resultaram na morte do jornalista cinematográfica da Band… Badernas patrocinadas pela tal Cininho e outros nomes conduziam a um suposto maestro que levaram ao seu nome como maestro de tudo aquilo. Gostaria que esclarecesse. Obrigado!

  8. Marleide Santana disse:

    Analisando as suas propostas fiquei muito contente, porém gostaria de saber sobre a Ideologia de gênero você irá adotar isso nas escolas?
    Moro na zona Norte e próximo da linha de trem me preocupo com o à cúmulo de lixos,drogas consumidas dia e noite,quais serão as suas medidas em relação à zona NorteII?

  9. Cláudia disse:

    Gostaria de saber sobre a Ideologia de gênero, você irá adotar isso nas escolas?
    Com relação ao aborto o que está na sua plataforma?
    E quanto à legalização de drogas? Poderia me esclarecer.
    percebi que não falou sobre a valorização do servidor público e não mencionou a Previdência Muinicipal. Pode falar um pouco do Previ-Rio?

  10. DORA JOHNSON disse:

    Vamos tomar nota das propostas e observar ao longo seu mandato, se cumpre ou é tudo conversa para conseguir votos. (obs. Não votei, estou fora da cidade, mas leio e acompanho as propostas dos candidatos. (E TOMO NOTA!!! )

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *