Início » Cultura » Arquitetura » Torre de Pisa está menos inclinada
ITÁLIA

Torre de Pisa está menos inclinada

Segundo relatório de equipe que trabalha na estabilização da torre, ela perdeu cerca de quatro centímetros de inclinação nas duas últimas décadas

Torre de Pisa está menos inclinada
Porém, segundo a equipe, a estabilização da torre está melhor que o previsto (Foto: Pixabay)

Especialistas que trabalham na estabilização da Torre de Pisa apontam que ela está menos inclinada do que antes. A torre perdeu cerca de quatro centímetros de inclinação nas últimas duas décadas, de acordo com um relatório de uma equipe de engenheiros, que se reúne a cada três meses, para atualizar as informações sobre a condição do monumento histórico.

“Desde que a restauração começou, a torre está inclinada meio grau a menos, comparado com dados anteriores. Mas o que conta é a estabilidade da torre, que está melhor que o previsto inicialmente”, disse Nunziante Squeglia, professor de geotecnia da Universidade de Pisa, na Itália, que trabalha com a equipe.

A estrutura, que foi gravemente danificada durante a Segunda Guerra Mundial, foi fechada ao público em 1990, devido a temores. Ela permaneceu inacessível por onze anos. A equipe que trabalha na estabilização foi criada em 2001, depois que a engenheira Michele Jamiolkowski coordenou um comitê internacional para salvar o monumento.

A torre do sino, um símbolo do poder da República marítima de Pisa na Idade Média, estava defeituosa desde sua construção, por conta do solo argiloso e poroso que fica abaixo de suas fundações. Depois que três andares foram concluídos, a construção foi interrompida e só recomeçou 90 anos depois, quando trabalhadores iniciaram a construção de andares adicionais. Mas o trabalho foi novamente interrompido, até ser finalmente concluído, em 1372. A torre, localizada atrás da Catedral de Pisa, atrai mais de 5 milhões de turistas por ano. Para chegar ao seu topo, é necessário subir 269 degraus.

O trabalho da equipe, que é financiado pela organização sem fins lucrativos Opera della Primaziale Pisana, inclui melhorar a qualidade da conservação da estrutura e promover outros tipos de pesquisas.

Fontes:
The Guardian-Leaning Tower of Pisa is leaning less than before, say experts

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Markut disse:

    Alem do atrativo turístico, é bom que continue havendo um constante e periódico controle,com equipes e equipamentos sofisticados,pois a estabilidade, mesmo que favoravel,indica ser ainda diferente de zero, o que redobra a preocupação com o constante acompanhamento dessa maravilhosa estrutura que , ao que parece, continua “viva”.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *