Início » Cultura » Bem-vindo a Nova York: poderoso francês é o centro da trama
Crítica de filme

Bem-vindo a Nova York: poderoso francês é o centro da trama

Um poderoso francês do mundo das finanças é o centro da trama. Ele é tão poderoso e influente que disputar as eleições presidenciais da França é o seu próximo passo

Bem-vindo a Nova York: poderoso francês é o centro da trama
O ator escolhido para protagonizar o papel é o também poderoso Gerárd Depardieu (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O filme, que é baseado em fatos reais, começa de uma forma fora do convencional. O ator Gerárd Depardieu fala de sua relação com o personagem que é inspirado em Dominique Strauss-Kahn (economista e político envolvido em um escândalo sexual em 2009).

Um poderoso francês do mundo das finanças é o centro da trama. Ele é tão poderoso e influente que disputar as eleições presidenciais da França é o seu próximo passo. O ator escolhido para protagonizar o papel é o também poderoso Gerárd Depardieu.

Como drama que é drama tem que apresentar uma tensão, esse está envolto pela vida sexual de Devereaux (Gerárd Depardieu). Casado, mas que não deixa de aprontar todas as horas. Amigos e prostitutas em festas particulares fazem parte da rotina dele. Se o assunto é sexo, ele constrange até sua filha perguntando como anda sua vida sexual com namorado que acaba de conhecer.

O problema mesmo acontece quando apesar de tudo isso, ele resolve abordar e forçar a camareira do hotel que ele esta hospedado em Nova York. Ela o denuncia e o resto, só comparecendo ao cinema…

 

*Demétrius Carvalho é músico e escreve para o site Blah Cultural, parceiro do Opinião e Notícia

Fontes:
BlahCultural-Bem Vindo a Nova York

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *