Início » Notícia » Dilma, a vaca tossiu!
Grita Brasil

Dilma, a vaca tossiu!

Dilma fez aquilo que jurou em campanha que nunca faria: mexer nos direitos dos trabalhadores

Dilma, a vaca tossiu!
A coluna Grita Brasil é publicada às quintas

Calma queridos defensores ferrenhos da Dilma. Às vezes certas coisas podem parecer uma coisa, mas não são. Apesar de tudo, tudo mesmo, quando escrevo que a vaca da Dilma tossiu quero deixar registrado aqui que não é que a Dilma é uma vaca. Quero simplesmente dizer que a Dilma deve possuir uma vaca que acabou tossindo.

Para ficar melhor: Dilma tinha uma vaca e ela tossiu. Melhorou para vocês?

Então meu povo, no apagar das luzes de 2014, a Dilma fez aquilo que jurou em campanha que nunca faria: “Eu em meu governo não vou mexer nos direitos dos trabalhadores nem que a vaca tussa”. Pois ela deve ter tossido e muito, quase como se estivesse tuberculosa. Plunct Plact Zum pra você.

vaca

A vaca da Dilma tossiu!

Sabem, deve ser tão bom viver num país onde a candidata à presidência da República promete uma coisa em campanha e logo depois quando o leite já está derramado, faz justamente o contrário, usando como justificativa que tem que cortar gastos.

Quando li isso, de imediato veio um pensamento. Por que então Dilma não baixa um decreto instituindo que a corrupção não pode passar de 0,5% do PIB do país? Já que o negócio está escancarado mesmo, oficializa logo e pronto. Aí sim poderemos trabalhar com uma margem de erro bem menor. Já saberemos quanto será desviado e poderemos nos planejar melhor. Acho que assim tudo vai fluir melhor e pode até facilitar o trabalho do ministro Levy.

Agora falando sério, o que me deixa mais indignado ainda – se isso ainda é possível – é que em nenhum momento a presidente Dilma fala em cortar gastos do próprio governo. Cortar na própria carne deve doer demais. E como o trabalhador já está mesmo acostumado a uma dorzinha, que se corte a carne dele. Por que Dilma não corta ministérios? Pra quê 39? O FHC trabalhava com 26.

Ou seja, Dilma é farinha do mesmo saco que Lula. Lembro que quando Lula era presidente, os trabalhadores estavam começando a reivindicar aumento em seus salários e Lula chegou e disse que não era hora disso, que era hora dos trabalhadores fazerem algum sacrifício. Foi só mudar de lado que Lula mudou seu diálogo. Então no fim das contas os dois, apesar de estarem no Partido dos Trabalhadores, são eles (os trabalhadores) os primeiros a serem atingidos. E os segundos, os terceiros.

Nunca na história deste país iríamos ler uma manchete onde o governo promete se sacrificar mais um pouco, roubar menos, não aumentar tanto seus próprios salários, enfim, blá, blá, blá; porque tudo na verdade vira isso. Blá, blá, blá.

 

Nelson Barbosa e sua primeira bola murcha do ano!

O novo ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, em seu primeiro dia no cargo, já soltou a primeira bomba: mudança no salário mínimo. Como assim?

Neslon Barbosa

Ops, já levei meu primeiro puxão de orelha! E ela tá doendo viu!

Esse primeiro capítulo desastroso já prova que as escolhas da presidente para preencher seus 39 ministérios foram medíocres. Assim que a presidente Dilma leu nos jornais as declarações do seu ministro ela desautorizou e obrigou que Barbosa soltasse uma nota falando que as regras não iriam (mais) mudar. Menos mal para o trabalhador que talvez nem se incomode que os salários dos deputados e senadores subam 26%,, que os dos ministros e da própria presidente subam 15,8% e que o seu suba apenas 8,8%.

Agora falam lá no Planalto que o que houve foi “falta de sincronismo político”. Mas se a moda pegar…

Depois do pito que levou da chefa, Barbosa disse que a regra de valorização do salário mínimo seguirá a vigente e que a nova proposta seguirá para o Congresso ao longo do ano. Quem sobreviver a 2015 verá quais serão as cenas dos próximos capítulos.

 

Piada do século!

Gilberto Carvalho, que comandava a pasta da Secretaria-Geral da Presidência, ao transmitir o cargo para Miguel Rossetto, mandou: “Não somos ladrões”, “Não vamos levar desaforo para casa” – mas dinheiro vocês levam e muito né? – “Temos dignidade”.

Frase piada do século!

Como não fui convidado VIP nem não VIP para a cerimônia de posse da presidente Dilma, desliguei a televisão e fui para piscina. Mas fiquei estupefato com a frase de Dilma: “Brasil, pátria educadora”.

dilmaposse

Dilma e mais uma pérola: Brasil, pátria educadora. Continua me enganado que eu gosto.

Será mesmo presidente? Ou… Será mesmo presidenta?

Será que a senhora por acaso foi informada que no Distrito Federal foi usada a verba justamente da Educação e de outras áreas consideradas prioritárias – não sei para quem – para poder fazer a festa de Réveillon  na Esplanada dos Ministérios? Ou você vai dizer que nesse dia você não leu o jornal?

Brasil, pátria Educadora… Ah, tá agora entendi! Com todas as letras, pontos, parágrafos, exclamações. A única interrogação seria que tipo de educação você quer para o Brasil!

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambientes fechados.

2 Opiniões

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Madame mostra que leu Maquiavel: o florentino escreveu que medidas impopulares tem que ser tomadas de imediato e em sua totalidade. É que até a próxima eleição o povo já esqueceu.

  2. Henrique de Almeida Lara disse:

    Enquanto existir alguém no mundo que não acredite que haja pessoas capazes de mentir, os dotados de verbosidade sempre hão de vencer!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *