Início » Cultura » ‘Imitation game’
Crítica de cinema

‘Imitation game’

Filme conta a história do gênio inglês que ajudou a encurtar a Segunda Guerra Mundial

‘Imitation game’
'Turing constrói uma nova versão de sua máquina e consegue decifrar o código' (Divulgação)

Alan Turing foi um gênio matemático. Em 1936, aos 24 anos, construiu o precursor do moderno computador. No começo da Segunda Guerra Mundial ele foi contratado para liderar a equipe que deveria decifrar os códigos de comunicação dos submarinos alemães. A Alemanha tinha criado uma máquina, chamada de “Enigma”, que encriptava textos de maneira até então indecifrável.

Turing constrói uma nova versão de sua máquina e consegue decifrar o código. A partir daí, durante o resto da guerra, os ingleses passam a ler todas as comunicações dos submarinos, o que mudou o resultado da chamada “Guerra do Atlântico”. Segundo a estimativa de historiadores, isso abreviou a vitória dos aliados em dois anos, poupando 14 milhões de vidas. Após terem decifrado como funcionava a Enigma, os ingleses não podiam evitar TODOS os ataques, pois os alemães iriam criar uma nova máquina e tudo recomeçaria. Se o número ficasse dentro do estatisticamente esperado, os alemães não desconfiariam de que teriam descoberto como funcionava o sistema criptográfico da Enigma. Durante os dois últimos anos da guerra, Turing e equipe faziam contas todos os dias para calcular o número de ataques a serem evitados naquele dia.

Um probleminha: ele era homossexual, o que era crime na Inglaterra até 1967. Milhares de pessoas foram presas pelo que era conhecido pelo eufemismo “grave indecency”. Em 1952, Turing foi preso acusado dessa grande indecência. Ingenuamente ele admitiu a verdade, achando que os serviços que ele tinha prestado à nação o isentariam de ser condenado. Ledo engano: ele foi a julgamento e foi condenado a dois anos de prisão, pena essa que podia ser trocada por castração química feita através de drogas fortíssimas que eliminavam o impulso sexual. Para não ser preso e afastado do seu trabalho ele optou pelas drogas, as quais começaram não apenas a afetar seus instintos sexuais mas também sua capacidade intelectual.

Em junho de 1954, Turing se suicida ingerindo cianureto. Ele tinha apenas 41 anos. Tudo isso eu já sabia antes de ver o filme, e o fato de saber não estragou o prazer de ver o filme. Este é muito bem feito, o ator principal, Benedict Cumberlatch, é excelente e é também bastante parecido com as fotos do personagem. Vale a pena ver!

1 Opinião

  1. olbe disse:

    O filme é tudo isto que você escreveu, já vimos duas vezes e é ainda melhor. A gente se surpreende com esta his’toria verdadeira, se surpreende pela criação real do primeiro computador e se surpreende pela crueldade de como ele foi tratado depois de tudo que fez. A rainha da Inglaterra o condecorou e reconheceu o erro CINQUENTA ANOS DEPOIS e só agora, graças a este filme mais pessoas ficam conhecendo esta incrível história….

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *