Início » Opinião » Leitor » Vote agora no melhor comentário! Participe!
Sexta-feira Premiada -- 05 de dezembro de 2008

Vote agora no melhor comentário! Participe!

O Opinião e Notícia chegou aos três finalistas desta Sexta-feira Premiada. Agora, você escolhe o grande vencedor. — O público escolheu o leitor Michelson Borges.

Para participar, basta fazer parte de nossa comunidade "EU LEIO O OPINIÃO E NOTÍCIA", do site de relacionamentos Orkut, onde será realizada a eleição. Não esqueça: os votos só poderão ser efetuados até 11 horas da manhã da próxima segunda-feira, de acordo com o regulamento.

Confira a matéria:

Santa Catarina foi mesmo vítima do aquecimento global?

Confira, portanto, os três melhores candidatos e vote em nossa comunidade.

Michelson Borges, 05/12/2008 – 08:31:52

Que a natureza está confusa isso é inegável. Mas também não se pode deixar de notar os interesses que se impõem por trás do fato. A União Européia e o Vaticano faz algum que se engajaram na luta para "salvar o planeta". E o presidente eleito dos EUA, contrariando a política ambiental do atual (e já vai tarde) presidente Bush, vai dedicar atenção especial ao aquecimento global. Essa coalizão já foi chamada de "a maior religião planetária urbana de que se tem notícia". Ninguém nega que a proteção do meio ambiente deva ser uma prioridade das nações e dos indivíduos, mas em clima de medo exacerbado pela mídia fica mais fácil de se praticar a engenharia social e aprovar leis que, de outra maneira, dificilmente seriam aprovadas, como é o caso da lei dominical para que a Terra possa "descansar" um dia por semana. No caso específico de Santa Catarina, é fácil atribuir toda a culpa à natureza. Isso ajuda a desviar o foco das possíveis causas do desastre: falta de uso devido das verbas federais para aumentar e aprofundar a calha do rio Itajaí e fiscalização do desmatamento da Mata Atlântica e da ocupação desordenada dos morros. A natureza tem sua parcela de culpa, mas o pecado não é só dela.

Rosangela Friedrich Camara, 05/12/2008 – 12:22:49

Não sei se podemos atribuir ao aquecimento global a causa da tragédia em Santa Catarina, principalmente porque tenho a sensação de que nem tudo nos é informado a respeito das pesquisas sobre o assunto. Como sempre, só somos informados em doses homeopáticas, principalmente quando o tema envolve política e grandes potências. Sabemos que o maior poluidor do planeta não assinou o Protocolo de Kyoto, sabemos que sem a Amazônia os americanos morreriam de calor, sabemos que esta mesma Amazônia está sendo praticamente “invadida” por pesquisadores americanos e europeus, mas não podemos afirmar que o aquecimento global seja a causa de tragédias como a de Santa Catarina, porque nos falta conhecimento que, provavelmente, “alguém” já tenha.
As inundações, catástrofes naturais, furacões, temperaturas muito elevadas ou muito baixas, sempre ocorreram. O que me parece é que agora temos mais acesso a informações devido a globalização, embora fique claro pelo aumento de porcentagem destes fenômenos, que algo diferente está acontecendo. É preciso que tenhamos mais acesso a informações com dados científicos confiáveis para podermos concluir se está ou não havendo alarmismo.
Acredito que o governo fez o planejamento para este orçamento, baseado em dados anteriores e não poderia prever o que aconteceu (pelo menos em tese). Porém, sabendo a dimensão de um país como o nosso, 13% é realmente uma quantia irrisória, se levarmos em conta a extensão da catástrofe e o quanto se gasta com salários dos Ministros da Infra-estrutura, Planejamento, Interior, etc. A má distribuição já começa por aí, não é?

Filipe Vargas, 05/12/2008 – 15:34:32

Dificilmente uma tragédia ocorre apenas por causa de um único motivo. Acredito ser um conjunto de fatores que colaboraram para que ocorressem os desastres em Santa Catarina. Os fatores são os seguintes:
– Desmatamento: a vegetação serve com uma "esponja", absorvendo e infiltrando no solo a água da chuva e controlando as enxurradas;
– Ocupação desordenada: construções sem qualquer planejamento de ocupação do solo, em locais de risco onde o solo é naturalmente instável;
– Chuva acima do normal: choveu muito acima da média para a região;
Penso que foram estes, os principais fatores que, juntos ocasionaram o que vimos no Vale do Itajaí.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *