Início » Opinião » Novo ministro pesca evangélicos na tarrafa do governo
Política

Novo ministro pesca evangélicos na tarrafa do governo

Não precisa ser especialista em política ou matemática para 'pescar' que Crivella é um bispo correndo enviesado no tabuleiro de xadrez do governo. Por Claudio Carneiro

Novo ministro pesca evangélicos na tarrafa do governo
Crivella afirmou que 'pegava jacaré' quando garoto no Leblon (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Ideologia! E eu quero uma pra viver. Quem sabe o inspirado Cazuza nos faz entender o que leva o Partido dos Trabalhadores a transformar um pupilo do bispo Macedo no novo ministro da Pesca e Aquicultura? Não precisa ser especialista em política ou matemática para “pescar” que Crivella é um bispo correndo enviesado no tabuleiro de xadrez do governo – atraindo milhões de evangélicos numa grande tarrafa – em torno dos candidatos do PT nas eleições municipais de outubro mas, especialmente, na capital paulista, onde um ex-ministro da Educação – que nunca fez a lição de casa — concorre à prefeitura da maior cidade do país.

Marcelo Crivella é, literalmente, um peixe fora d’água. Em seu site, ele reconheceu em recente postagem: “É uma área em que, confesso, vou ter que aprender muito”. E vai mesmo. Dizem que “pegava jacarés” — quando garoto na praia do Leblon — e deve ter comido lagostas em algum jantar na cinematográfica residência do grande líder da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) nos Estados Unidos. Foi o mais perto que o sobrinho de Macedo chegou do mar em seus 54 anos de vida.

Mais tranquilo que peixe de aquário, o líder religioso e cantor gospel chega à Esplanada dos Ministérios de caniço e samburá. O senador pelo Partido Republicano Brasileiro é grande e histórico aliado de Lula, sintoma de que Dilma Rousseff pode até lançar o anzol e a isca, mas o molinete pertence ao ex-presidente. Eleito em 2003 e reeleito para mandato até 2019, Crivella nada, nada, mas nunca morre na praia. A grande aliança política em torno deste astro pop da música – com 14 CDs lançados e 5 milhões de cópias vendidas – faz dele o grande intérprete dos anseios do projeto de poder de um partido que pretende se manter no topo da parada de sucessos na base do custe o que custar. De fato, o mar não está pra peixe.

Criada em 2003 como uma secretaria especial, a pasta – antes apenas um bote salva-vidas – foi descoberta pelo governo como um iate de luxo, posto que nunca será um transatlântico. Por ali navegaram José Freitsch, Altemir Gregolin e Ideli Salvatti – substituída por Luís Sérgio – este último não conseguiu decifrar uma linha da carta náutica e política que faz dele uma pequena garrafa esquecida no mar do planalto central. E acabou naufragando. Segundo as leis trabalhistas, ninguém pode ser demitido durante as férias. É claro que isso não de aplica a Luíz Sérgio, que não era ministro mas um simples bagre – visto que usa bigode – num mar de peixes grandes. Vamos combinar. Alguém deveria jogar um puçá no lago Paranoá e trazer à superfície o que cada um deles fez à frente do timão. O conteúdo seria lançado de volta logo em seguida. Pode apostar.

Ministro conhece as marés

Com um patrimônio declarado de R$ 78 mil em 2008, Crivella é tão polêmico quanto articulado. Orador habilidoso, o bispo e ministro consegue ser contra a violência homofóbica ao mesmo tempo em que se opõe à criminalização da homofobia. Em compensação apoia a legalização do aborto enquanto refuta a teoria da evolução das espécies preconizada por Darwin.

Acusado de atuar como laranja da Igreja Universal, de enviar dinheiro para paraísos fiscais por meio – e em nome – de empresas da IURD e investigado por crimes contra o sistema financeiro, envolvimento com a máfia dos bingos, venda de sentenças e nepotismo cruzado, Crivella soube esperar a virada da maré. O Supremo Tribunal Federal o livrou das profundezas e ele voltou à tona.

Convidado por Dilma Rousseff no último fim de semana, Crivella se disse surpreso e declarou à imprensa: “Esta é uma homenagem que a presidente da República quer fazer ao povo fluminense”. Homenagem por homenagem, voltemos a Cazuza: “Meus heróis morreram de overdose. Meus inimigos estão no poder”…

 

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

19 Opiniões

  1. Afonso Schroeder disse:

    Sempre que um político integro e de boas intensões é convocado para para exercer uma pasta do bom governo da presidente Dilma Rousseff, alguns setores politiqueiros tem o deseja que nada de certo, eu gostaria de saber o por que destas insinuações maldosas???

  2. Beraldo Dabés Filho disse:

    Não é irreal, pela evolução dos números, imaginar um Brasil futuro, com maioria de população Evangélica.

    Neste imaginado contexto, nenhuma surpresa se o(a) Presidente, nomear um Ministro Católico.

    Faz parte da Política. Absolutamente normal.

    O autor, que certamente corre cambaleante no tabuleiro da Tucanada, demonstra qwue realmente não é um especialista em Política.

    Eta oposiçãozinha incompetente…
    _______________________________________________

    NÃO VOTE EM BRANCO! NÃO ANULE SEU VOTO!

  3. GOETHE Br. disse:

    …acredito ter sido uma boa escolha da Sra. presidente Dilma…-o Bispo so vem colaborar para com a boa administração Dilma,como tambem
    acredito ,dignificará o cargo em virtude do apreço que o mesmo tem, e responsabilidade para com a moral e os bons costumes…
    -pessoalmente ,eu o escolheria para o ministé
    rio das cidades-sei que é parte dos seus son
    hos,a flagrante desapropriação das áreas urba
    nas das nossas cidades onde milhares de pesso
    as ainda vivem sob o arcáico e medieval das an
    tigas leis de enfitêuse, arrendamento ou alu
    guer de terras,que apesar deextintas no papel
    ,-nenhum município se dignou a fazê-lo na prá
    tica,ficando irresponsávelmente o ônus da po
    resa,sobre os ombros de determinadas famílias
    …-isto é…:o poder público fazendo reveren
    cia com o chapéu alheio… e se sacrificando
    pescoço dos contribuintes..-em tempos de elei
    ção,esta prática rende votos de maneira frau
    dulenta para políticos desonestos…e que não teem compromeissos para com a nação…-
    mas acreditando nas boas intenções da preside nta e dos seus competentíssimos colaboradores
    ,parabenizo aquí,o bispo Crivilla e sei que muito fará pela nossa nação e a presidenta porescolher valores em detrimento de agremia ções partidárias …-GOETHE-Br.

  4. nazareno r. do nascimento disse:

    só no brasil que se escolhe ministro que nao tem nenhum vinculo e conhecimento sob pesca ,isto mostra a qualidade do nosso presidente da republica do Brasil.Colocar minhoca no anzol é facil mais apanha r as minhoca é dificil.

  5. Markut disse:

    O confuso arrazoado de Goethe, não faz jús ao ilustre nome que carrega.
    É comovente esse mix de ingenuidade, desinformação e dificuldade de expressão.

  6. Leidy Santos disse:

    Eles bebem no mesmo copo!
    O importante para eles é: QUEM VAI LEVAR VANTAGEM???-.
    Cambadas de FDP!!!

  7. Ricardo disse:

    A IURD, a cara no ministro e o item ao fundo da foto dizem por si só a indicação.

  8. Geraldo euclides disse:

    Uma ocasião passada o ex-presidente Ronald Reagan (*1911+2004) governou de 1981 a 1989 disse: “Diz-se que política é a segunda profissão mais antiga do mundo. E me soa muito similar à primeira” -Não quem não concorde com este pensamento, esta “política” brasileira (lestra minúscula mesmo) está da lata de lixo à privada ou melhor; vaso sanitário, tudo acontece, logo de cara o título: “ministério da pesca” é mais um que o esquecido lula inventou para premiar os asponi que o apoio na sua corrida: Ministérios de nomes ridículos: Pesca, Integração Social,Cidades,Raças sei lá só faltou um para premiar a dona Martha Suplicy e “inventar o ministério dos Gays,Lésbicas,Simpatizantes e assemelhados essa de premiar o Crivella é fino do grosso, mas em “política brasileira” tudo é vendável!

  9. Samuel disse:

    Concordo com você, MARKUT. Aliás, você é um comentarista sério e competente.
    Um abraço.
    Samuel

  10. Elmo Brandão disse:

    Não votei nele, mas ainda assim sinto vergonha e vontade de pedir desculpas a todo resto do país por ser do estado que o colocou no senado (em minúscula também).

  11. Lúcio Flávio disse:

    No tabuleiro da política essa jogada é óbvia demais. Deve ter mais alguma coisa que não nos é dado saber.

  12. Afonso Schroeder disse:

    CAPACIDADE:
    Um leigo humano vale e produz mais que um especialista incapaz, por vezes até temos a impressão que não conseguimos entender certas coisas, mas na realidade nos incomoda por não ser aquilo que achamos que podia ser, oxalá que Deus continue iluminando os que tem vontade de trabalhar em prol de toda sociedade.

  13. Profª Maria das Graças Rocha disse:

    Se você dividir os evangélicos em partidos de esquerda e direita,em que frente o Crivella ou a IURD ficam?Que projetos sociais no Brasil o Crivella criou com sua caminhada de parlamentar.Como é contabbilizado o dinheiro da IURD e de verbas públicas que porventura o parlamentar Crivella venha conquistar.Qual o seu destino?PENSO que todo dinheiro arrecadado por ,todo e qualquer serviço,indústrias,comércios,futebol,ong e até mesmo dojogo de bicho e do tráfego de drogas tem que ficar em nosso Brasil.Se de repente tem alguém disposto a canalizar em educação,alimentação,saúde,plantio de árvores,cursos técnicos,ou até mesmo comprar máquinário de produção substituindo assim a mão-de-obra humana porque assim sendo,consegue diplar ou evitar custas trabalhistas e assim mais desemprego>mais violência> guerras com a fome,etc.Na verdade, está cada vez mais difícil se relacionar com o ser humano no que diz respeito a confiabilidade,competência para executar corretamente,gratidão,espírito coletivo,o que significa serviços de qualidade para professores,médicos,agricultores,segurança cooperativas.Transportes público de qualidade.Creio que se o povo fosse mais respeitado,haveria mais credibilidade no meio político.
    Quanto a parceria de Crivella e PT,é claro que é sempre um fortalecimento desde que a Dilma continue vigilante honrando sua condição de mulher,sua experiência,sua luta para que as mulheres mundiais possam se espelhar e se orgulhar.Sou mulher,votei com a DILMA e con tinuo votando.Chega de covardias com a categoria dos professores e trabalhadores.Lembrem-se e que DEUS É AMOR e pensem no pé descalço isolado nestes interiores distantes do nosso país.Pensem na qualidade dos nossos alimentos.Educação já! E recursos para a agricultura.Controle de qualidade no que se planta,garantia de acesso a escolas para filhos de agricultores.Conheço bem a deficiência de transportes escolares,escolas distantes,falta de alimentação com nutrientes adequados nas escolas.
    Obrigado pela oportunidade de expor meus pensamentos
    Duque de Caxias,RJ Profª Graça Rocha id 104942*5

  14. olbe disse:

    É preciso não ser pré conceituoso. A Igreja Evangélica não deve ser demonizada, todas as religiões tem seu lado bom e seu lado perverso. Mas todos sabem, inclusive o próprio, que ele nada tem a ver com este Ministério. Aliás, acho que ninguém sabe o que faz este Ministério. Agora se ele é uma pessoa desonesta, a policia está ai para fazer a sua parte…O engraçado é que agora, mais do que nunca, a política tb está um caso de polícia. Quando um membro de qq partido é expulso por “um mal feito” o partido a que ele pertence, em lugar de aplaudir e continuar limpando seu partido, ao contrário, ficam ofendidos e exigem que quem o substituirá seja do mesmo partido, não importando se tem competência ou não. No povo é que eles nunca pensam…

  15. olbe disse:

    Agora me surgiu uma idéia:

    Todo partido que tiver um membro expulso por “mal feitos” deveria punir o partido. Podemos estudar como. Assim os partidos iam cuidar mais de como se comportam seus representantes

  16. Profª Maria das Graças Rocha disse:

    No lugar de críticas e até mesmos sugestões gostaria de ler aqui neste desfile de depoimentos a sua história de ações concretas que praticou na rua em que mora no Bairro em que mora e pode também contar das consequências de se lutar para o bem.Contudo,pode enumerar os bons frutos ainda que o reconhecimento pelo seu bom trabalho seja nefasto.Para fins de esclarecimento,quero saber o que vc conquistou para as famílias do seu Bairro.Aqui conquistei até Escola Tecnica Faetec.Entreguei uma cópia do ofício em mãos do Presidente Lula,outrea nas mãos do governador Sergio Cabral e outra cópia nas mãos do Prefeito Washington e o meu nome foi mencionado no microfone no ato da inauguração.Outro feito:Fui até o l5ºBPM e mandei fechar,digo mandei porque estava indignada com as covardias que acontecia aqui na minha rua num terreno atrás do Colégio Cruzeiro do Sul.Era o PM Jonas irmão de Laurete(tinha uma fábrica de costuras)na epocae moravam na Praça,alto do antigo Hospital Duque de Caxias.Estes administravam o terreno.Rolava drogas,curras,mortes de todos os tipos,lugar de desova de depositar carcaça de carros roubados.Uma das balas que eu tomei no atentado de 18.09.97,inq.775/97 foi por esta atitude.Encaminhava muitos alunos para escolas e ia até as secretarias pois muitos reclamavam que ninguém só dizia que não tinha vagas.Além de lecionar pela Prefeitura e coordenar duas escolas particulares em D.Caxias,abria a minha garagem para reforço escolar aqui na minha rua.Quando eu começava a minha aula Nato começava com boladas no portão que é de chapa e fazia maior barulho só para aterapalhar o meu trabalho.Arrumou uma confusão com o vizinho TOINHO que este morreu no dia seguinte.Trazia do Comitê Betinho,Herbet de Sousa,toneladas de cestas básicas e doava aqui na minha porta (assinado recebimento).Coloquei telefone comunitário para chamadas para emprego,de hospitaisviolência,etc.e a Érica irmã de Nato(Rua Itaqui,55) atendia o telefone e debochava e dizia que era trote e atrabalha um projeto que tinha pessoas sérias e necessitadas cadastradas.Fui convidada pelo Dr.Francisco,ortopédico do Hospital SASE na Av.D.Caxias para participar de uma reunião,cuja a pauta era denunciar verba do SUS(cinquenta milhões)deviados e a consulta dos médicos tinha o preço de R$2,5O.Eles estavam irados.Mais uma bala por esta cobrança.Fui convidada pela Associação de Moradores do Bairro Jardim Leal que existia uma turma da Secretaria de Habitação do governo Zito que tinha vendido terreno e só passavam para receber se negando deixar para quem pagava qualquer recibo.Eu orientei que não deveriam pagar enquanto não deixassem o recibo.Mais uma bala por estemotivo.Haroldo Brito,secretario deHabitação no primeiro governo Zito queria que eu fosse fazer um cadastramento no LIXÃO ou VILA IDEAL perto do Shop Center e depois do atentado,depois de identificar toda a corja,percebi que certamente era pra me matar lá e dizer que eu estaria lá traficando ou fumando maconha ou cometendo outro delito qualquer.Nas escolas onde eu trabalha,tinha muito respeito e dedicação e protegia as crianças mais pobres e carentes.Impedia que os maiores agredissem os menores.Era e sempre fui rígida com as tarefas escolares.Ensinava e queria bons resultados.Mas quando chegava no final do ano tinha apenas 2 ou 3 alunos que não eram promovidos.Aqueles sem pais,sem alimentação em casa,sozinhos abandonados à propria sorte mesmo.E eu ia em suas casas e constatava tamanha pobreza e ficava irada com as autoridades.Que rendimento pode ter uma criança que cresce sozinha?Esta violência de hoje teve origem no abandono de crianças de ontem.Na escola eu cobrava aproveitamento em leitura oral,interpretativa,gramática e redação.Os alunos tinham que levar os jornais para lermos em sala e debatermos sobre as manchetes.Adotava o caderno de Pauta dupla(Caligrafia e ortografia)e explicava que cada letra era igual às pessoas.Cada letra tinha a sua cara diferente das outras e mesmo assim tinha era perseguida porque fazia um bom trabalho.Se voltasse a lecionar hoje de novo faria tudo de novo.Afinal sou uma pedagoga,não comprei os meus diplomas.
    Deixo aqui o meu apelo:senhores pais partipe da vida do seu filho e converse com ele para que ele confie em você e conte tudo o que acontece dentro das escolas.Muitas vezes as crianças são ameaçadas.Quando o professor educador protege é perseguido até de morte a exemplo de tantas mortes que teve em Duque de Caxias. Profª Graça Rocha

  17. hermes agneli disse:

    Se todas as igrejas pagassem imposto como são obrigados a pagar todos que movimentam dinheiro, ja imaginaram o Rio Amazonas de grana que transbordaria nos cofres da Receita Federal? Imagina se fosse investido em educação?

  18. Afonso Schroeder disse:

    Vejo com bons olhos, todas instituições que duma forma ou outra desenvolvem um trabalho social, mas em não pagar impostos é simplesmente de se lamentar, pois todos somos sabedores que existem determinadas crenças que movimentam milhões todos os meses aumentando seus patrimonios, mas em contrapartida pouco fazem na area social, acho que esta na hora de nossos representantes de Brasilia começarem desenvolver um projeto de Lei para que todos sejamos iguais perante as leis tributárias.

  19. Pb.Luiz disse:

    Estão julganto a indicação porque ele é evangélico,e se fosse catolico ou outra religião seria normal a indicação,devemos analizar ele pelo seu carater,quantos procesos ele foi condenado,iso seria uma critica e não uma opnião propria
    luiz.tresr@gmail.com

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *