Início » Sem categoria » Argentina aprova casamento gay
Sob pressão

Argentina aprova casamento gay

Só dez países em todo o mundo permitem a união civil de pessoas do mesmo sexo

Argentina aprova casamento gay
Manifestação pró-casamento gay em frente ao Congresso, em Buenos Aires (Fonte: Wikipedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A Argentina é o primeiro país da América Latina a permitir o casamento entre pessoas do mesmo sexo. O projeto foi convertido em lei pelo Senado argentino na madrugada desta quinta-feira, 15.

A votação foi apertada, com 33 senadores se pronunciando a favor e 27 contra o casamento homossexual, e aconteceu após 14 horas de debate e em meio a uma grande disputa entre o governo de Cristina Kirchner e a Igreja Católica.

Igreja: ‘Projeto do demônio’

A votação no Senado foi precedida por uma concentração em frente ao Congresso organizada pela Igreja Católica, que moveu uma ampla campanha contra o projeto de casamento entre pessoas do mesmo sexo, o qual definiu como “um projeto do demônio”.

Só dez países em todo o mundo permitem a união civil de pessoas do mesmo sexo: Holanda, Bélgica, Espanha, Canadá, África do Sul, Noruega, Suécia, Portugal, Islândia e, agora, a Argentina.

Leia mais:

Países pobres atacam homossexuais

A luta e o preconceito contra gays no Brasil

A 1ª Marcha Nacional contra Homofobia acontece em Brasília

Homossexualismo na China ainda é mantido em segredo

Fontes:
G1 - Senado da Argentina aprova casamento gay

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Wilhelm Herzl disse:

    Agora só falta o casamento hétero ser proibido.

  2. solange disse:

    Não podemos mais negar o direito do casamento a todas as pessoas, independentemente de sua preferência sexual. Não é só o casamento mas à herança, ao plano de saúde e também à adoção.

    O homosexualismo é um fato e uma opção. Temos de respeitar poque o que realmente importa são os valores das pessoas.

  3. luiz antonio vieira barbi disse:

    OTIMA IDEIA!!! PERFEITA!!!
    A TURMA QUER MESMO E APARECER!!! COM FORCA!!
    ENTAO SE DA A ELES O CASAMENTO E VAMOS VER NO QUE VAI DAR…
    BRIGAS, DIVORCIOS, E TUDO MAIS QUE EXISTE NO DITO CASAMENTO HETERO…
    VEREMOS…
    AGUARDEMOS….

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *