Início » Sem categoria » É a vez de o Paquistão tentar pacificar a região
Waziristão

É a vez de o Paquistão tentar pacificar a região

É a vez de o Paquistão tentar pacificar a região
Fonte: Economist

Waziristão, uma das regiões mais selvagens do mundo, pode ganhar uma chance de se civilizar. Desde que a região se tornou um abrigo para os membros do Taleban fugidos do Afeganistão, o Paquistão começou um processo inédito que pode ter sucesso onde os ingleses e russos falharam.

O Waziristão, na fronteira entre Paquistão e Afeganistão, foi por séculos um território sem lei. Hoje, sob controle do Taleban, os cidadãos do Waziristão serviram como peças importantes em diversas guerras. Em 1929, os britânicos usaram um exército wazir para colocar no trono afegão Nadir Shah, um afegão apoiado pelo país. Em 1947, tropas do Waziristão foram usadas para tomar controle da Cachemira para o Afeganistão, o que deu início à guerra entre este país e a Índia. Em 1980 foi a vez dos Estados Unidos armarem os cidadãos do Waziristão para lutar contra as tropas soviéticas.

Trabalhar como mercenários para outros países é bastante comum para os nativos da região. Muitas vezes membros das mesmas tribos lutam em lados diferentes de uma mesma guerra. Para os nativos, tudo não passa de “um grande jogo”. O que torna os mercenários do Waziristão tão temíveis é sua capacidade para revolta. Eles são capazes de lutar por décadas contra invasores se utilizando de terrorismo, se necessário.

Os habitantes vivem praticamente da mesma forma há mais de um século, desde que os britânicos entraram pela primeira vez na região, em 1859. As tribos que compõem o Waziristão não têm leis escritas e se orientam por um sistema judiciário arcaico. A maior parte da população é analfabeta, apenas 17% dos homens e 3% das mulheres sabem ler. A média é de um médico para cada 8 mil habitantes.

O Waziristão abrigou membros da Al Qaeda, pois existe uma lei comum que obriga as tribos a oferecer asilo para qualquer muçulmano. O Paquistão, criticado por sua leniência em relação ao combate ao terrorismo, lançou uma ofensiva contra a região. Caso o Waziristão seja efetivamente incorporado ao Paquistão, algumas boas coisas se perderão, como o sistema judiciário tribal, mais eficiente que o paquistanês.

Fontes:
Economist - Waziristan: The last frontier

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Dorival Silva disse:

    Churchill, quando um jovem oficial inglês no começo do século 20, já disse: o Afeganistão é inconquistável. Recentemente esse site publicou a opiniao de um general russo que lutou lá dez anos, nos anos 80, saindo com o rabo entre as pernas: o Afeganistão é inconquistável. Os americanos até agora estão aprendendo a mesma liçao. Vamos ver se com novas tecnologias, aviões espiões transmitindo ao vivo imagens para os soldados em terra, eles conseguem virar o jogo.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *