Início » Sem categoria » Lançado nos EUA o ‘jornal do século 21’
Para iPad

Lançado nos EUA o ‘jornal do século 21’

Investimento inicial no 'The Daily' é de US$ 30 milhões e cem profissionais formarão a equipe de produção do jornal

Lançado nos EUA o ‘jornal do século 21’
Lançamento do 'The Daily' (Fonte: Washington Post)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Rupert Murdoch lança o 'The Daily' (Fonte: Reuters)

Foi lançado nesta quarta-feira, 2, em Nova York o primeiro diário online exclusivo para o iPad, o tablet da Apple. Havia grande expectativa para a chegada do The Daily, uma aposta pessoal do magnata da mídia Rupert Murdoch, que participou da apresentação.

O investimento inicial no The Daily é de US$ 30 milhões e cem profissionais, entre jornalistas e técnicos, formarão a equipe de produção do jornal. O editorial do primeiro número diz: “Bem vindo ao jornal do século 21”.

Fotos em 360º da praça Tahrir

Recheado de fotos, vídeos e gráficos, tudo muito interativo, o primeiro número do The Daily abordou desde os protestos no Egito, com fotos em 360º da praça Tahrir, no Cairo, até a gravidez da atriz Natalie Portman.

Há também um interessante recurso que direciona o leitor para as páginas que ele ainda não leu. Quem quiser ler as notícias do dia no The Daily terá que pagar US$ 0,14 por dia para acessar o jornal pelo iPad.

Leia mais:

O jornal mais aguardado dos últimos tempos

Fontes:
Uol - Agradável de ler, mas com cara de revista, 'The Daily' promete ser 'o jornal do século 21'

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Kells Mendes disse:

    Companheiros e Companheiras vejam o nosso Brasil em 2011.
    Realmente o LULA é o Cara!!!!!!!!
    Saudações Brasileiras.
    Kells Mendes.
    Brasil se tornará em 2011 sétima maior economia, prevê The Economist

    Sylvio Costa 

    Na edição especial de prognósticos para 2011, a revista britânica The Economist prevê que o Brasil se tornará neste ano a sétima maior economia do mundo, com um Produto Interno Bruto (PIB) de US$ 2,052 trilhões, que o colocará pela primeira vez à frente da Itália. O PIB, que mede a soma das riquezas produzidas por cada país em um dado período, é o indicador mais usado para aferir o tamanho de uma economia.

    Somente uma nação africana (África do Sul, em 28º lugar) e duas latino-americanas (além do Brasil, apenas o México, que aparece na 12ª colocação) integram a lista daquelas que serão, segundo a revista, as 30 principais economias do planeta em 2011. Veja quais são e qual o PIB previsto para cada uma delas:

    1. Estados Unidos – US$ 14,996 trilhões
    2. China – US$ 6,460 trilhões
    3. Japão – US$ 5,621 trilhões
    4. Alemanha – US$ 3,127 trilhões
    5. França – US$ 2,490 trilhões
    6. Reino Unido – US$ 2,403 trilhões
    7. Brasil – US$ 2,052 trilhões
    8. Itália – US$ 1,888 trilhão
    9. Índia – US$ 1,832 trilhão
    10. Rússia – US$ 1,737 trilhão
    11. Canadá – US$ 1,616 trilhão
    12. Espanha – US$ 1,337 trilhão
    13. Austrália – US$ 1,190 trilhão
    14. México – US$ 1,119 trilhão
    15. Coreia do Sul – US$ 1,094 trilhão
    16. Indonésia – US$ 806 bilhões
    17. Turquia – US$ 760 bilhões
    18. Holanda – US$ 743 bilhões
    19. Suíça – US$ 513 bilhões
    20. Irã – US$ 488 bilhões
    21. Arábia Saudita – US$ 481 bilhões
    22. Polônia – US$ 469 bilhões
    23. Taiwan – US$ 466 bilhões
    24. Suécia – US$ 449 bilhões
    25. Bélgica – US$ 444 bilhões
    26. Noruega – US$ 431 bilhões
    27. Áustria – US$ 376 bilhões
    28. África do Sul – US$ 346 bilhões
    29. Tailândia – US$ 336 bilhões
    30. Emirados Árabes Unidos – US$ 312 bilhões 

    Fonte: The Economist – edição especial The World in 2011.
    Saudações Brasileiras .
    Kells Mendes.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *