Início » Sem categoria » Rússia dobra preço da vodca
Saúde pública

Rússia dobra preço da vodca

Rússia dobra preço da vodca
Muitas marcas de vodca à venda em mercado russo (Fonte: Wikimedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Passou a valer nesta sexta-feira, 1º, o preço mínimo de cerca de 89 rublos (quase US$ 3) para a venda da garrafa de meio litro da bebida.

O novo preço mínimo foi definido pelo órgão criado em 2009 pelo governo russo para a regulação do mercado de bebidas alcoólicas. Objetivo da medida é combater a fabricação clandestina de vodca. Há pouco tempo, em alguns lugares na Rússia, comprava-se meio litro da bebida por menos de 48 rublos, valor equivalente à soma que todo produtor legal deve pagar de impostos de fabricação por esse quantidade da bebida.

A última vez que o governo russo havia ajustado um preço mínimo para a vodca foi em 2004, quando ficou estabelecido o valor de 32 rublos. Metade de toda a vodca vendida na Rússia é produzida ilegalmente. Na Rússia, 40 mil pessoas morrem todos o anos por intoxicação etílica, em grande parte por causa da ingestão de bebidas alcoólicas fabricadas de maneira ilegal.

Fontes:
G1 - Entra em vigor novo preço mínimo legal para a vodca na Rússia

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Evandro Correia disse:

    O problema da embriaguez é crônico na Rússia, soldados bebem em serviço, vodka pura, é barra pesada.

  2. SERGIO GRUSCA disse:

    Aqui em Minaçu – GO, encontra-se uma vodka, falsa, feita de cana, porém melhor que muitas cachaças por aí. O curioso é que o preço dela está dentro do novo padrão russo. (está a menos de R$5,00).
    Particularmente acho melhor que muitos outros distilados, devido a pureza.

  3. marco antonio badaró athayde disse:

    EU acho que o preço ainda está muito barato.
    Nada de favorecimentos ao povo, a propaganda, e venda a baixo custo deste toxico (permitido e liberado) que fica muito caro, a saude publica, ante as consequencias danosas, e os altos custos dos tratamentos, alem de outros prejuizos.No momento a vodka vendida em garrafas long net, com sabores citricos, confundem, o paladar, dando um toque de refi, e induz a galera, a passar a dependencia,porta para outras drogas.
    Deveriua ser cobrado aqui no Brasil Cr$20.oo a garrafinha, empatando aos preços , das drogas ilicitas.
    mestry badahra

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *