Início » Sem categoria » Tony Blair: ‘Radicalismo islâmico é a maior ameaça à segurança internacional’

Tony Blair: ‘Radicalismo islâmico é a maior ameaça à segurança internacional’

Ex-primeiro ministro britânico afirma que atentados pretendem desestablizar governo iraquiano

Tony Blair: ‘Radicalismo islâmico é a maior ameaça à segurança internacional’
Tony Blair teme que radicais usem armas químicas e nucleares

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em entrevista à BBC, o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair classificou o radicalismo islâmico como a maior ameaça atual à segurança internacional, e afirmou que seus seguidores são capazes de qualquer ato em nome de sua causa, inclusive de usar armas químicas, biológicas e nucleares.

“Ainda acho que existe uma grande ameaça com a combinação deste movimento extremo e radical e o fato de que, se eles pudessem, usariam armas nucleares, químicas ou biológicas. Acredito que eles usariam se pudessem. E acredito que não se pode arriscar deixar algo assim acontecer”, afirmou Blair.

No entanto, o ex-primeiro-ministro negou que suas ações durante o período em que ocupou o cargo tenham estimulado o radicalismo e diferenciou a al-Qaeda dos movimentos de resistência no Iraque e no Afeganistão.

“Os soldados estrangeiros já teriam saído do Iraque e do Afeganistão se não fosse pela campanha de terrorismo movida por estas pessoas. Portanto, quando eles dizem: estamos lutando contra a ocupação estrangeira, é bobagem. Por que eles ainda colocam carros-bomba em Bagdá se os soldados americanos estão se retirando? O objetivo deles não é tirar os soldados americanos de Bagdá, o objetivo deles é desestabilizar um governo eleito pelo povo do Iraque”, disse o ex-primeiro-ministro, que recentemente lançou seu livro de memórias “A Journey”, no Reino Unido.

Blair afirmou que o radicalismo religioso é “retrógrado e patrocinado pelo Irã”, e o comparou ao “comunismo revolucionário”. “Estas são decisões realmente difíceis, mas o extremismo é tão profundo que os radicais precisam saber que eles enfrentam uma vontade mais forte que a deles”, afirmou Tony Blair, que disse “se angustiar” quando pensa nas formas de responder a essa ameaça.

Leia mais:

Radicalismo islâmico deixa Ásia Central em alerta

Fontes:
BBC Brasil - "Radicalismo islâmico é maior ameaça à segurança global, diz Tony Blair"

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Markut disse:

    O sentir “angustiante de Tony Blair vem de encontro a uma preocupação, que deveria ser de toda a cultura Ocidental.
    Se lhes for facilitada a expansão da sua luta contra os “infiéis”, estes, que somos todos nós, não muçulmanos, corremos os riscos a que Blair se refere.
    A invasão muçulmana já começou ,mais uma vez, na Europa.
    Recursos bélicos modernos , nas mãos desse fundamentalismo medieval é, de fato, motivo para precauções.

  2. Genivaldo disse:

    É um perigo o radicalismo Islâmico religioso pois se mistura com o terrorismo e usam o nome de seu deus para uma guerra insana com sangues derramados de inocentes, estou acreditando que verdadeiramente estamos nos últimos dias da raça humana desta terra que esta coberta de muitas trevas

  3. andre becker(Santos/SP) disse:

    mentiras e mais mentiras

    os EUA invadiram o iraque alegando que seria para conter o terrorismo só que o alvo era o bin laden

    cade ele?

    no iraque nao estava

    nao ha terroristas no iraque
    so uma populaçao destruida pelos criminosos e verdadeiros terroristas, americanos, ingleses, franceses, italianos espanhois entre outros.

    so estao la para roubar petroleo

    e enriquecer as empresas hallyburton da familia bush.

    essa gente toda é puro lixo…

    matam, estupram explodem fazem de tudo com aquele povo e ninguem mais fala em bin laden???

    é tanta podridao que se o obama retirar as tropas de lá ele morre no mesmo dia.

    para poder retirar eles de la ele tem de fechar a cia ( e matar todos os componentes dela)

    fechar o fbi e o exercito americano que é uma caixa de corruptos imundos.

    sao so assassinos em massa e ladroes.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *