América Latina: sístoles e diástoles »

23 dez, 2005

Os anos vão se encarregando de mostrar que, na América Latina, tudo é permanente, mas nada é sustentável. Não sou eu quem o