Heterossexuais não têm mais direito nenhum, diz ministro

Heterossexuais não têm mais direito nenhum, diz ministro »

5 dez, 2017

João Otávio de Noronha afirmou que fez uma brincadeira e que foi o primeiro juiz a reconhecer a união homoafetiva