Início » Notícia » A evolução do touchscreen
Tecnologia

A evolução do touchscreen

Toques com os dedos e os gestos das mãos na tela poderão em breve ser usados para operar dispositivos

A evolução do touchscreen
Empresas estão desenvolvendo formas de usar os gestos das mãos para produzir uma interação 3D real com computadores (Foto: Wikipedia)

A terceira dimensão é um fenômeno onipresente no mundo atual. Programas poderosos de computador permitem que os designers trabalhem em 3D; os óculos de realidade virtual imergem os usuários em uma ilusão hiper-realista, na qual podem caminhar e pegar objetos; e as impressoras 3D estão sendo usadas para executar uma variedade crescente de funções, como a construção de prédios. Mas manipular e moldar objetos em 3D em um computador é uma tarefa complexa que, em geral, exige um recurso de hardware como um mouse, uma caneta, ou um joystick para controlar o movimento do cursor na tela.

No entanto, várias empresas estão desenvolvendo formas de usar os gestos das mãos e dos dedos para produzir uma interação 3D real com computadores e outros dispositivos digitais. É possível que isso resulte em um sucessor para o mouse criado na década de 1960 e, portanto, um dispositivo pré-histórico em termos de informática.

Alguns sistemas já foram lançados no mercado, como um plug-in 3D fabricado pela Leap Motion, uma empresa da Califórnia. Esse programa rastreia o movimento das mãos com o uso de câmeras infravermelhas. Outros sistemas incorporam sensores baseados em gestos em dispositivos. O Project Soli do Google, por exemplo, usa um radar para detectar movimentos específicos, como a pressão do dedo com o polegar para indicar pressione um botão.  Segundo o Google, o sensor pode ser armazenado em um chip minúsculo.

Em vez de produzir um dispositivo novo, a pequena startup de engenharia Fogale Sensation com sede em Genebra, descobriu uma maneira de integrar o controle por gestos com telas sensíveis ao toque já existentes.

Fontes:
The Economist - Escape from flatland

1 Opinião

  1. Fernando disse:

    Procurem na Amazon pelo livro “A verdade sobre as impressoras 3D” Recomendo para quem quer ter uma boa ideia do que essas impressoras realmente são capazes de fazer, pois a mídia muitas vezes distorce as coisas. É para iniciantes, se vc já tem entendimento ou experiência na área de impressoras 3D este livro NÃO lhe será útil.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *