Início » Vida » Ciência » Expressões faciais são originalmente genéticas, diz estudo
Saúde

Expressões faciais são originalmente genéticas, diz estudo

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Um estudo publicado na revista "Journal of Personality and Social Psychology" revelou que as expressões faciais ligadas à emoção têm origem genética.

Mais do que um conduta aprendida culturalmente, os movimentos são uma propensão biológica inata nos humanos. Segundo Jessica Tracy, da Universidade de Columbia Britânica, os cegos, por exemplo, não podem ter aprendido certos gestos olhando os outros.

A pesquisa comparou expressões faciais entre judocas cegos e não-cegos, durante os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2004. A partir da análise de mais de 4.800 fotografias de atletas de 23 países, os pesquisadores chegaram a conclusão que os movimentos de emoção são os mesmos, tanto de quem enxerga quanto de quem é cego.

Fontes:
Folha Online - Estudo sugere que expressões faciais de emoção têm origem genética

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *