Início » Vida » Comportamento » Estudo mapeia tolerância racial entre países
Tolerância racial

Estudo mapeia tolerância racial entre países

Países latinos e anglo-americanos são apontados como os mais tolreantes

Estudo mapeia tolerância racial entre países
Quanto mais azul, mais tolerante é o país. Já as escalas em vermelho, apontam níveis de intolerância. (Reprodução/The Washington Post)

Um estudo sobre tolerância racial feito por dois economistas suecos coletou dados de mais de 80 países para identificar padrões de pessoas que seus habitantes “não gostariam de ter como vizinhos”. Alguns dos entrevistados escolheram de uma lista a opção “pessoas de outras raças”. Quanto mais frequente fosse essa resposta em certo país, os economistas concluíram que aquela sociedade seria menos tolerante.

Leia mais: EUA ampliam medidas contra discriminação racial

Segregação racial ainda afeta os Estados Unidos?

O desafio da identidade racial brasileira

Os dados, divulgados no Washington Post apontam que os países latinos e anglo-americanos são os mais tolerantes, enquanto que a Índia e a Jordânia são os menos. Na Europa, a variação é grande. A França aparece como um dos últimos na escala de tolerância, já os países da antiga União Soviética estão entre os mais tolerantes. O Oriente Médio, por sua vez, foi apontado como intolerante, em sua maior parte, principalmente no Egito e na Arábia Saudita. Nos países da Ásia, o nível de tolerância é baixo, principalmente na Indonésia e nas Filipinas.

No mapa, que foi divulgado no ano passado, quanto mais azul estiverem os países, menos pessoas falaram que não gostariam de vizinhos de outras raças. Já nos países em vermelho, mais pessoas marcaram essa opção. O estudo tem algumas ressalvas. Primeiro, porque algumas pessoas podem ter mentido durante o questionário, e segundo, porque a pesquisa não é feita todo ano. Dessa forma, alguns dos resultados são recentes, enquanto outros são de anos atrás.

 

Fontes:
Washington Post- A fascinating map of the world’s most and least racially tolerant countries

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *