Início » Vida » Comportamento » Taxa de fecundidade brasileira passa de 6 para 2 filhos em 46 anos
IBGE

Taxa de fecundidade brasileira passa de 6 para 2 filhos em 46 anos

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira, 2, que a taxa de fecundidade brasileira passou de 6,2 filhos por mulher, até 1960, para dois filhos, em 2006.

O levantamento “Indicadores Sociodemográficos e de Saúde no Brasil – 2009” revelou que a taxa seria responsável por manter a população próxima da estabilidade, de acordo com o IBGE. Mulheres menos instruídas passaram a planejar o número de filhos.

“Nossas avós e mães tinham muito mais filhos do que as gerações atuais, e isso porque houve um aumento de instrução, o uso de anticoncepcionais, a entrada da mulher no mercado de trabalho, ou seja, uma combinação de diversos fatores.”

Nas Regiões Sul e Sudeste, as taxas de fecundidade, em 2006, estavam abaixo da taxa de reposição, com 1,9 e 1,8 filho por mulher, respectivamente. No Centro-Oeste, o índice ficou em 2 filhos por mulher. No Norte, 2,5, e no Nordeste, 2,2.

Fontes:
G1/Globo.com - Taxa de fecundidade passou de 6 para 2 filhos por mulher em 46 anos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Benedito Lacerda disse:

    Acho que os homens não estão dando mais no couro…

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *