Início » Vida » Dell terá que se explicar
Tecnologia

Dell terá que se explicar

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) solicitou à Dell Computadores do Brasil esclarecimentos sobre a tentativa da empresa de controlar o uso de computadores da marca por físicos da Universidade Federal Fluminense.

Para o secretário de Política de Informática do MCT, Augusto Cesar Gadelha, a Dell do Brasil é uma empresa brasileira, que recebe inclusive dinheiro do próprio MCT via Lei de Informática. "A Secretaria de Política de Informática surpreende-se que uma empresa brasileira, localizada em território nacional, esteja fazendo exigências, com base em normas de outro país, para venda de seus produtos", afirmou o secretário em nota.

Fontes:
Folha Online - Ministério pede explicações à Dell sobre exigências a físicos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. EDVALDOTAVARES disse:

    OPORTUNISMO OU TENTATIVA DE TRAIÇÃO. O comportamento da Dell Computadores do Brasil merece investigação mais apurada. Diante do clima de corrupção reinante no pais, que envolve todos os escalões dos três Poderes da República, esse comportamento da Dell é fortemente suspeito. Uma dedução, amparada na declaração do secretário de Política de Informática do MCT, suscita a necessidade de monitoramento pela Polícia Federal. A Universidade Federal Fluminense, UFF, é tradicional no Estado do Rio de Janeiro e, seus pesquisadores, no campo da Física, podem estar desenvolvendo estudos que vão contra os interesses dos descendentes do Tio Sam. O BRASIL precisa demonstrar de forma clara que essa dependência à esses pretensos dominadores do mundo, está acabando. Os cientistas brasileiros vêm dando demonstrações aos países desenvolvidos da sua indiscutível competência. O BRASIL não pode aceitar mais esta tentativa do emcabrestamento científico. Caso, qualquer falta ou má intenção fique comprovada por iniciativa dessa empresa, a punição terá de ser exemplar, que impeça outra ou outras, em qualquer ramo, ter a pretensão de extabelecer exigências de tais naturezas. "BRASIL ACIMA DE TUDO". MÉDICO. BRASÍLIA/DF.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *