Início » Vida » Meio Ambiente » Até aonde os pacotes de estímulo são “verdes”?
Economia e meio ambiente

Até aonde os pacotes de estímulo são “verdes”?

Até aonde os pacotes de estímulo são “verdes”?
Economist - clique para ampliar

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O banco HSBC publicou um ranking sobre o quanto os programas governamentais para aquecer a economia de 17 países têm de estímulos fiscais voltados para projetos ecológicos.

A Coreia do Sul ficou em primeiro lugar, com 81% dos gastos públicos de estímulo à economia voltados para atividades “verdes”. Em segundo lugar vem a China, com 34%. Por outro lado, a Índia não dedicou nem um centavo neste sentido em seu plano de US$ 13,7 bilhões. Itália e Japão são os países do G7 menos ecologicamente corretos, destinando apenas 1,3% e 2,6%, respectivamente.

Fontes:
Economist - How green is your stimulus package?

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Dorival Silva disse:

    Realmente eu acho que a esta altura da crise econômica os governos tem mais de se preocupar com reativar a economia do que com ecologia. É uma questão de urgência.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *