Início » Internacional » Califórnia pode ser totalmente abastecida por energia renovável
MEIO AMBIENTE

Califórnia pode ser totalmente abastecida por energia renovável

Projeto de lei prevê que o estado americano tenha 100% de sua energia elétrica proveniente de fontes livres de carbono até 2045

Califórnia pode ser totalmente abastecida por energia renovável
Iniciativa mostra preocupação do estado com possíveis mudanças climáticas (Foto: Pixabay)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O estado da Califórnia pode ter toda a sua energia elétrica proveniente de fontes livres de carbono até 2045. É o que prevê um projeto de lei do senador estadual democrata Kevin de Leon, que ainda precisa ser aprovado pelo Senado estadual e pelo governador Jerry Brown.

A iniciativa da Califórnia, que, nos Estados Unidos, só foi adotada pelo estado do Havaí, em 2015, vai de encontro com a preocupação do estado com as mudanças climáticas. Em 2018, a Califórnia foi devastada por um forte incêndio, e um novo relatório mostrou que o estado corre riscos de intensas mudanças climáticas, como elevação da temperatura, aumento no nível do mar e queimadas florestais.

Mesmo se o projeto de lei não for aprovado, a Califórnia está caminhando para um maior investimento em energias renováveis. Um mandato imposto pelo estado já obriga que as concessionárias elétricas tenham 50% da sua eletricidade a partir de fontes renováveis até 2030. O projeto do senador ainda prevê que esse índice seja elevado para 60%.

Em maio, a Assembleia Legislativa já aprovou uma legislação que obriga que casas recém-construídas sejam equipadas para receber energia solar. O governador Jerry Brown, que está em seus últimos meses de mandato, também tem planos para expandir o uso de carros elétricos no estado da Califórnia.

Se o projeto de lei agrada os ambientalistas, o mesmo tem recebido críticas da oposição de concessionárias de energia elétrica. Políticos do Partido Republicano e empresas do setor elétrico afirmam que a meta definida possivelmente não é alcançável, além de aumentar o custo. Três concessionárias já admitiram que podem repassar os custos para os consumidores.

No entanto, os ambientalistas rebateram as afirmações também com argumentos econômicos. Além do benefício ambiental, a adoção da medida teria potencial de gerar empregos, segundo apontou Bernadette Del Chiaro, diretora executiva do grupo comercial California Solar and Storage Association.

“Descarbonizar nossa rede é algo que dá muito lucro”, complementou a democrata Wendy Carrillo, destacando a oportunidade de fazer “uma mudança incrível” na Califórnia, o que poderia inspirar outros estados. Massachusetts, Nova Jersey, Nova York e Washington são alguns que estão considerando adotar medidas semelhantes.

Fontes:
The Guardian-California moves towards 100% carbon-free electricity after landmark vote
The New York Times-California Lawmakers Set Goal for Carbon-Free Energy by 2045

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *