Início » Vida » Meio Ambiente » Energias renováveis
Meio Ambiente

Energias renováveis

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A segunda matéria da série sobre energia no Brasil traz um panorama da energia renovável, apresentando as opções promissoras e as que já estão sendo utilizadas.

Durante um evento dedicado à discussão da energia no Brasil, ocorrido na Câmara de Comércio Americana do Rio de Janeiro
(Amcham-Rio) em oito de dezembro deste ano, Alexandre Strapasson, coordenador geral de Açúcar e Álcool do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, afirmou que 40% da matriz energética primária do Brasil já se devem à participação dos combustíveis renováveis. Ele citou os que já estão em uso – o etanol (ou álcool combustível), o biodiesel, o hidrogênio e o biogás – e lembrou que a previsão é de que o mundo continuará precisando de combustíveis líquidos, haja vista a atual frota de veículos movidos a gasolina e álcool.

O Plano Nacional de Agroenergia, uma ação conjunta lançada pelos ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, das Minas e Energia e da Ciência e Tecnologia, surgiu a partir da necessidade de se encontrar alternativas energéticas, diante do fatal esgotamento das fontes não-renováveis e dos danos que algumas das atuais fontes de energia vêm trazendo ao meio ambiente. Energias alternativas, provenientes de restos da própria natureza e de recursos naturais duráveis, estão sendo avaliadas e discutidas.

Além do petróleo, que demora milhares de anos para se reconstituir na natureza, e de seus derivados – a gasolina, o óleo diesel, o óleo combustível, o GLP ou gás de cozinha – são recursos não-renováveis outros combustíveis fósseis, como o carvão e o gás natural, e a energia produzida nas usinas nucleares. Já entre as fontes renováveis encontram-se o sol (energia solar), o vento (energia eólica), os oceanos e a biomassa (bioenergia ou agroenergia). As hidrelétricas são também consideradas energia renovável.

Segundo o Greenpeace, os ventos são capazes de suprir 10% da demanda por eletricidade no mundo, a energia solar poderá suprir até 25% da demanda energética mundial em 2040 e a energia gerada a partir da biomassa, se explorada com cuidado e com os recursos tecnológicos necessários, será equivalente à que seria gerada por hidrelétricas e usinas nucleares até 2050. A organização não só é contra as usinas nucleares como defende a paralisação da construção de Angra 3, cuja instalação, até agora, já consumiu aproximadamente 2 bilhões de dólares. O Greenpeace considera essas usinas verdadeiras ameaças, graças ao lixo atômico que produzem e ao risco de acidentes que proporcionam.

O fato de ser classificada como renovável, no entanto, não é suficiente para que determinada fonte se apresente como uma boa alternativa à necessidade de se obter energia. Há sempre outras questões a serem avaliadas. A mais discutida delas é a dos prejuízos que uma determinada forma de geração de energia traz ao meio ambiente. As hidrelétricas, por exemplo, apesar de estarem na categoria de renováveis e até não-poluentes, trazem complicações porque exigem o alagamento de áreas muito extensas. Com isso, a biodiversidade local fica desequilibrada e famílias precisam se desalojar. Os prejuízos para a agricultura também são grandes. Por essas razões o Greenpeace e outras organizações pró-natureza se opõem à construção de grandes hidrelétricas, propondo a instalação e utilização apenas de usinas desse tipo porém pequenas.

O que acontece é que mesmo a alternativa energética aparentemente mais natural pode ser excelente para determinado local ou grupo de pessoas e de difícil aceitação e adaptação para outros. Enquanto a energia nuclear está atrelada à produção do lixo nuclear, danoso à saúde e que precisa ser isolado das pessoas, a instalação do a princípio inofensivo equipamento produtor de energia eólica vem originando críticas, por exemplo, na Espanha, segundo reportagem publicada na revista Exame no dia dois de dezembro último. As razões seriam o fato de as instalações serem barulhentas e poluírem visualmente o ambiente.

Em artigo escrito para o jornal New York Times e divulgado pelo Opinião e Notícia em 17 de dezembro, o filho de Robert Kennedy chama a atenção para esse mesmo ponto. Robert Kennedy Jr. afirma que não aprovaria a construção de instalações de geração eólica em uma propriedade sua, porque centenas de luzes utilizadas para alertar aviões para que fiquem longe das turbinas irão roubar as estrelas e o visual noturno. O barulho das turbinas será audível à grande distância. Além disso, por depender do vento, essa forma de energia não tem um fornecimento garantido e estável.

Combustíveis fósseis, combustíveis renováveis e o clima do planeta

Os combustíveis fósseis, além de terem a desvantagem de levar milhares de anos para serem recompostos, produzem gases que intensificam o efeito estufa, um dos fatores responsáveis pelo tão comentado aquecimento global. Mesmo assim, ainda são muito utilizados porque, enquanto são abundantes, são também baratos.
A substituição dos combustíveis fósseis, cujo tempo de renovação na natureza supera o tempo de vida do homem, por combustíveis que tenham um ciclo renovável mais curto está ligada diretamente ao clima da Terra. Algumas fontes renováveis, como o álcool etílico e o biodiesel, quando queimadas também eliminam os chamados GEEs – gases de efeito estufa. No entanto, neste caso o gás carbônico produzido rapidamente sai da atmosfera através da fotossíntese e é fixado na biomassa, até sofrer combustão novamente.

Existem estudos do COPPE/UFRJ que afirmam que as hidrelétricas também produzem, indiretamente, gases que contribuem para o efeito estufa. De seus reservatórios seriam eliminados CO2 e metano (CH4). No entanto, essas emissões nem chegam a ser consideradas problemáticas, já que essas usinas são classificadas como produtoras de energia limpa. Se comparadas à produção de gases a partir das termoelétricas, que queimam combustíveis fósseis, as hidrelétricas são mesmo bem menos prejudiciais ao aquecimento do planeta

Veja as outras reportagens da série sobre energia:

Geração de energia: os prós e os contras de cada recurso

A energia que vem dos oceanos

Energia eólica

 

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

56 Opiniões

  1. Clodomiro disse:

    Muito interessante a matéria. Acho que precisa-se estudos bem detalhados da melhor alternativa para expansão na geração no Brasil. Uma ponderação ótima das questões ambientais, socio-econômicas a medio e largo prazo devem ser consideradas.O Brasil posee têm um alto potencial as fontes de energias renováveis ao qual podem ser melhor exploradas. Mas não deve se deixar de lado a geração térmica incluindo todas suas formas, isto é a gas natural, diesel etc. Com o avanço da tecnologia este tipo de geração não são tão poluentes nem caros como 'tradicionalmente' foram. É preciso mudar velhos paradigmas paradigmas e construir um sector eletro-energético ótimo visando questões multi-objetivos tais como o bem estar social, econômico e ambientail.

  2. César Werle disse:

    Artigos muito bons,pois dão uma visão global de cada tipo de energia produzido,abordando os prós e contras de cada setor energético.Claro que não possuímos um modelo ideal de geração de energias,mas devemos sempre pesquisar e aprimorar as técnicas de produção para tentar-se chegar a um modelo bem próximo do ideal e com um impacto(em todas as esferas) mínimo;este é o grande desafio!

    César Werle-graduando em eng. mecânica-UFSM/RS

  3. antonio disse:

    acho muito bem que alguém esteja interessado no futur do nosso planeta! porque as energias renováveis sao mesmo indespensáveis! parabéns o site etá óptimo…

  4. Ricardo disse:

    gostei da matéria pois me ajudou em uma pesquisa para um trabalho escolar, pois passaram varias fontes de informação

  5. lucas henrique disse:

    me ajudou muito em uma pesquisa para a escola

  6. José Carlos Campos disse:

    Importantíssima a matéria.
    É mais uma janela que se abre para que possamos acompanhar e também participar deste momento importante que é a crize energética.
    Aproveito o espaço para dizer que não é só os americanos que têm capacidade de desenvolver e criar um mecanismo que funcione a partir da energia dos ventos, das ondas, térmiocas ,etc.
    Tenho um projeto e protótipo de uma turbina movida a partir da incidência das ondas, e também do repuxo,vindo de qualquer direção. Este movimento das ondas faz com que a turbina gire num só sentido,gerando assim energia rotativa.Estou em busca de uma parceria para melhor avaliar o mecaniosmo.
    Um abraço.
    correaycampos@bol.com.br

  7. simone fernandes dantas disse:

    è um texto que além de mostrar as fontes de energia disponéveis no mundo, mostra também os seus benefícios e prejuízos que podem acarretar para a natureza caso não sejam explorados da maneira correta. Muito bom…

  8. vanessa disse:

    Adorei a matériaaa…
    tudo q eu precisava esta aki!!!

  9. thuany disse:

    gostei muito e ve q ainda existem pessoas preeocupadas com o mosso planeta parabens

  10. Romério disse:

    È bom saber que tem varias pessoas preocupada com o meio em que vivemos e todos nos que participamos de ongs, eu participo de uma no Sertão de PE ADESSU BAIXA VERDE. que trabalha com a familia como um todo concientizando da importancia de estar preservando o meio ambiente.

  11. Glenda Barbara disse:

    Otima reportagem,e muito importante tratarmos desse assunto agora, em meio a uma 'crise' no planeta !

    Beijos.

  12. Dorival disse:

    achei ótima a matéria e de ver que as autoridades já estão preocupadas com o meio ambiente e estudando varias auternativas para solucianar o preblemas ambiental meus parabens

  13. Dorival disse:

    achei ótima a matéria e de ver que as autoridades já estão preocupadas com o meio ambiente e estudando varias auternativas para solucianar o preblemas ambiental meus parabens

  14. rita de cássia disse:

    Que máteria maravilhosa, pessoas preocupadas com questões ambientais, mais do que correto é da sustentabilidade ambiental que estamos sobrevivendo. Precisamos de estrategias que mudem a consciencia do povo, a cultura…em relação meio ambiente e desenvolvimento economico.

  15. rita de cássia disse:

    Que máteria maravilhosa, pessoas preocupadas com questões ambientais, mais do que correto é da sustentabilidade ambiental que estamos sobrevivendo. Precisamos de estrategias que mudem a consciencia do povo, a cultura…em relação meio ambiente e desenvolvimento economico.

  16. wellington disse:

    o que adianta falar
    se ninguem faz nada

  17. NAYONARA disse:

    OTIMA MATERIA ALEM DE ME SALVAR DE TIRAR UMA NOTA BAIXA EU APRENDI BASTANTE…

    VALEU

  18. kaike disse:

    gostei muito,legal

  19. Leide disse:

    …gostei das reportagens, me ajudou com os assuntos!

  20. carlos disse:

    gostei muito dessa consulta que fiz,pois temos a necessidade para trabalho escolares.consultamos para essa finalidade mas achamos muito mais interessante.

  21. cleia disse:

    gostei bastante de saber ainda existem pessoas que se preocupam com o futuro e que pensam nas possibilidades de um mundo melhor…

  22. Genivaldo disse:

    Aí está o aquecimento global, pessoas que só pensam em encher os cofres, entretanto, no meio disso é bom saber que tem alguem preocupado com o futuro de nosso PLANETA.

  23. Genivaldo disse:

    fantastico

  24. leila andrade de oliveira disse:

    muito bom, cara arrasou!
    vamos cuidar do nosso planeta antes que seja tarde demais!!!!!

  25. LUIS disse:

    Resumindo e comcluindo nada e ideal critica-se muito os combustiveis foseis mastambem se criticam td o resto enfim nem deus agradou a td o mundo, eu so não vejo e alternativas para os automoveis crediveis pois acredito piamente nao energia solar eolica e das mares essas são sem duvida as energias do futuro…

  26. Ribamar Costa disse:

    Nossos filhos e netos nos chamarão de burros, pela omissão e passividade, quando o assunto é meio ambiente, principalmente o aquecimento global através da emissão de CO2 na atmosfera,visando somente o poder economico. Vamos mudar este quadro juntos, por favor.

  27. Marina Carnassa disse:

    Gostei mto da reportagem e também tah me ajudando mto cm a escola alem de ser interessante…
    PARABÉNS!

  28. Fonseca Satula disse:

    É maravilhoso, quando existem pessoas que se preocupam com o futuro do nosso planeta.

  29. João Augusto de Melo Costa disse:

    Adorei a reportagem é muito bom existirem fontes alternativas pois o futuro do mundo depende disso concientização das pesoas.

  30. amanda biazus disse:

    foi de bom aproveito sua reportagem para um projeto sobre efeito estufa e energias renovaveis……continue assim,precisamos de pessoas inteligentes como vc,,parabens

  31. Rafael almeida disse:

    achei otima essa materia sobre energia renovavel alem de me ajuda a tira nota 100 ainda aprendi mto valeu mano!!!

  32. josivaldo disse:

    É uma matéria ótima e muito informativa e é dever nosso conhecer todos os problemas que o mundo está enfrentando.

  33. mayara disse:

    maravilhosamente boa…(me salvo de tirar nota baixa no trabalho de fìsica)..

  34. stephanie disse:

    É sempre bom ter um lugar onde fala sobre energia renovavel isso ajuda muitas pesoas assim com eu.

  35. Carina Uibaí disse:

    É uma matéria interessante. Me foi útil até para trabalhos acadêmicos.Mas não pare por aí!

  36. Dalton C. Rocha disse:

    O Brasil tem o maior potencial hidrelétrico do mundo.Infelizmente, nada se está fazendo, para se aproveitar ele.O Brasil tem tudo em energia:hidreletricidade, agrocombustíveis, nuclear, gás natural, petróleo,etc.

  37. Markut disse:

    A profusão de comentários muito parecidos, faz pensar em alunos da mesma classe , ou escola, que acharam um precioso filão para os seus deveres imediatos, mas que não estão nem aí, com a gravidade do problema.
    A respeito da energia eólica, a Dinamarca já construiu uma gigantesca série de equipamentos, no mar,a cerca de 20 km da costa. Vejam no Google HORNS REV

  38. Erica Camila disse:

    Sabe-se que a queima de combustíveis fósseis resulta na emissão de uma série de poluentes…
    Mas as energias alternativas também têm seus pontos negativos.
    Um bom assunto para o meu trabalho de geografia…rssrsrsr
    Todos nós devemos nos preocupar com o futuro do nosso planeta.

  39. Erica Camila disse:

    Sabe-se que a queima de combustíveis fósseis resulta na emissão de uma série de poluentes…
    Mas as energias alternativas também têm seus pontos negativos.
    Um bom assunto para o meu trabalho de geografia…rssrsrsr
    Todos nós devemos nos preocupar com o futuro do nosso planeta.

  40. Caroline Kerfrén disse:

    Importantíssima a matéria. É mais uma janela que se abre para que possamos acompanhar e também participar deste momento importante que é a crize energética. Aproveito o espaço para dizer que não é só os americanos que têm capacidade de desenvolver e criar um mecanismo que funcione a partir da energia dos ventos, das ondas, térmiocas ,etc. Tenho um projeto e protótipo de uma turbina movida a partir da incidência das ondas, e também do repuxo,vindo de qualquer direção. Este movimento das ondas faz com que a turbina gire num só sentido,gerando assim energia rotativa.Estou em busca de uma parceria para melhor avaliar o mecaniosmo. Um abraço

  41. Bruna disse:

    Eu achei muito boa a matéria…me ajudou muito nos estudos e nos trabalhos em sala de aula.Obrigada e um grande abraço!

  42. Bianca Erlo disse:

    todas as reportagens são muito interesantes deu para ficar por dentro de tudo e conhecer coisas que eu nem sabia que existia

  43. Tammy Albuquerque disse:

    Achei ótima a matéria, parabéns!!ajudou não só a mim, como a muita gente esclarecer algumas coisas q muitos não sabem!!se todos tirassem um tempo para lerem matérias importantes o mundo seria um pouco diferente!Mais uma vez: parabéns!

  44. vitoria disse:

    este site esta excelente e espero sempre poder pesquisar através dele parabens a vocês …Que acreditam no futuro do país e na educação…

  45. Caroline Gradim disse:

    Interessante e importante, resumem essa reportagem, pois é mais do que necessário saber sobre esse tema tão atual.
    Parbéns e continue assim !

  46. Isabela disse:

    muito interessante porque fala sobre energia renovavel…e é para o futuro do país e na educaçao!

    meus parabéns…e continue sempre assim!!!achei uma maravilha…parabéns!

  47. Matheus Serafini disse:

    Saio confessando que não li todo o artigo por falta de tempo mas li um detalhe que me indigna… é sobre o Biodiesel… pessoal isso eh história pra boi dormi literalmente… o BIODIESEL é lenda. vejamos alguns calculos que eu e os professores de quimica da UFSM e de uma escola da regia fizemos.
    "iniciando vejamos o etanol (álcool etílico), fórmula molecular C2H6O. quando queimado libera 2 CO2, polui relativamente pouco em relação aos fósseis. agora vamos ao isooctano (gasolina) fórmula molecular principal C8H18, libera 8 CO2/molécula, agora ao grande poluente, o Diesel, sua fórmula é composta por muintas cadeias cabonicas variadas, numa média de 16 ate 20 carbonos por molécula, liberando entre 16 e 20 CO2 por molécula, ai usamos o BIODIESEL, que para produção se desmata meio mundo de matos e florestas, possui a cadeia mais poluente, faixa entre 22 e pode chegar a 30 carbonos / molécula liberando uma média de 28 CO2 por molécula queimada. Agora como pode sert viável isso?… produzam alimento nas areas de bio diesel que também capta CO2, não desmatem os matos e florestas, decubram energias alternativas pra um bem maior não por poder econômico e NÃO USEM BIODIESEL… meu pai tem um caminhão e ele boicota o BIODIESEL… eu também boicoto porquê é a pior agressão ao meio que existe e fica sob a capa de ser uma ovelhinha boazinha enquanto este eh um lobo assacino…

  48. bruna barbosa disse:

    eu achei a reportagem superinteressante, de mais me ajudou muito a compreeder coisas sobre esses combústíveis que até então eram obscuras pra mim me ajudou bastante.

  49. Marla Campos disse:

    gostei muito…
    pois como pre-universitaria, busco fatos que esclareçam minhas ideias a ponto de ser testata, em uma redaçao, ou em questoes discussivas. Tais informações nos capacitam a sermos criticos e com alto poder de persuadir os ouvintes ou banca academica.
    continuem explorando a atualidade, os leitores agradecem.

  50. Porva Silva disse:

    Realmente as estruturas não são belas, mas como sabemos de feiura ninguem jamais morreu por feiura, mas pela poluição causada pelos combustiveis foseis muitos já moreram, e pelas barragem muitos já ficaram desadrigados certo.

  51. Marcie disse:

    ameeei a reportagem…
    precisamos mesmo de soluções inovadoras!

  52. Marcie disse:

    ameeei a reportagem…
    precisamos mesmo de soluções inovadoras!

  53. jessé disse:

    Acho que deveriam abranger mais territorios da regiao nordeste pois boa parte do ano ficamos com sol e isso e muito bom como uma enegia renovavel.

  54. Dorival Silva disse:

    Todas as energias alternativas: a geotérmica, a eólica, a solar, a das ondas ou marés tem lados melhores e piores. Mesmo a nuclear é defensável. O uso do carvão é que é uma aberração.

  55. frida disse:

    @frida, CONCORDO PLENAMENTE

  56. ana disse:

    eu gostei

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *