Início » Vida » Meio Ambiente » Lula confirma participação do Brasil em fundo
Copenhague

Lula confirma participação do Brasil em fundo

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Brasil também deve contribuir para o fundo de ajuda a países pobres no combate aos efeitos do aquecimento global. Lula confirmou a participação do país e criticou postura de países ricos no último dia de reunião em Copenhague, 18.

O presidente também definiu as metas adotadas pelo Brasil como ‘ambiciosas’, como a redução de desmatamento da Amazônia e a redução de gases causadores do efeito estufa, cujas as metas são de 80% e 38,9%, respectivamente.

A estimativa é de que as medidas devam custar US$ 160 bilhões até 2020. “O Brasil não veio barganhar. As metas que assumimos serão cumpridas com nossos próprios recursos.”

Lula também declarou que os países ricos não devem pensar estar “dando uma esmola” às nações em desenvolvimento para adaptarem-se às mudanças de redução de carbono.

Na madrugada desta sexta-feira, 18, líderes das delegações se reuniram para debater o acordo, na tentativa de encontrar um consenso.

Fontes:
BBC Brasil - Acordo 'pouco ambicioso' pode estar próximo em Copenhague
Valor Online - Lula faz discurso duro na conferência do clima

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *