Início » Vida » Meio Ambiente » O lado sujo dos carros elétricos
veículo verde?

O lado sujo dos carros elétricos

O dióxido de carbono gerado na produção e a dependência de energia para recarregar a bateria mostram que o carro elétrico não é um veículo genuinamente verde

O lado sujo dos carros elétricos
Carros elétricos não são completamente limpos (Reprodução/Getty)

Os carros elétricos são vistos como o prenúncio de um futuro otimista para o meio ambiente. Os anúncios garantem zero de emissão de carbono, e o presidente dos EUA Barack Obama até prometeu colocar um milhão deles nas estradas até 2015.

Embora alguns consumidores permaneçam cautelosos quanto ao alcance do veículo e a durabilidade da bateria, o carro elétrico é um veículo genuinamente verde, certo? Errado.

Para alguns entusiastas do veículo, como o ator ativista Leonardo DiCaprio, o principal argumento para o uso dos carros elétricos é o fato de que, por não emitirem dióxido de carbono, não contribuem para o aquecimento global. Porém, a energia utilizada na fabricação e, em alguns países como os EUA, nas recargas de bateria, causam muitos mais danos do que a maioria das pessoas imagina.

Segundo uma análise do Journal of Industrial Ecology, a produção de um carro elétrico, especialmente a bateria, gera dióxido de carbono. Além disso, a mineração de lítio é tudo, menos uma atividade verde. A produção de cada carro elétrico gera 30 toneladas de dióxido de carbono, quase o dobro da quantidade gerada para produzir uma carro convencional. Para piorar, nos Estados Unidos, a energia utilizada para recarregar a bateria não é verde: na maioria das vezes, ela provém do carvão.

Ou seja, embora os proprietários do carro elétrico tenham a sensação de estar fazendo um bem para o meio ambiente, ainda contribuem com os mesmos combustíveis fósseis que os donos dos carros convencionais.

Fontes:
The Wall Street Journal-Bjorn Lomborg: Green Cars Have a Dirty Little Secret

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Gerson disse:

    Vindo essa opinião, de americanos, não é surpresa quererem desacreditar o carro eletrico ou outro meio de energia.Eles sempre boicotaram o carro eletrico.

  2. Alex disse:

    Isso é coisa de gente miope, não vêem que em pouco tempo as emissões são compensadas, visto que um carro a combustão que roda 40 km por dia polui 14kg de CO2 ou 15 toneladas em 3 anos. E falar em mineração de litio é outra bobagem, visto essa ser muito menos agressiva que a petrolifera, além do litio ser pouco toxico e totalmente reciclavel, ao contrario da gasolina. E para os que dizem que vai faltar energia, uma reportagem que mostra segundo a USP que apenas 30% de Itaipu seria necessario para suprir 100% da frota nacional : youtu.be/sZih4MG-5tI. Outro erro da reportagem é que apenas 36% da enegia nos EUA vem do carvão e não a maior parte.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *