Início » Vida » Comportamento » Personalidade do chimpanzé pode ser mais complexa do que a do ser humano
Comportamento animal

Personalidade do chimpanzé pode ser mais complexa do que a do ser humano

Enquanto a personalidade humana tem cinco dimensões, a símia parece ter seis

Personalidade do chimpanzé pode ser mais complexa do que a do ser humano
Estudo levou em conta a personalidade e o comportamento dos chimpanzés (Reprodução/FLPA)

As personalidades humanas, de acordo com a ampla maioria dos psicólogos, pode ser medida em cinco dimensões: extroversão, afabilidade, conscienciosidade, neurose e abertura à experiência. Uma pessoa pode ser mais extrovertida que outra, menos agradável, mais conscienciosa e assim por diante, e, em certa medida, pode-se prever se duas pessoas se darão bem com base na compatibilidade de suas personalidades.

As pessoas que não se dão bem, contudo, têm a opção de se evitarem. Isso não se aplica aos animais de zoológico. Mas eles também têm personalidades. Assim, a fim de evitar confusões entre membros da mesma espécie – o chimpanzé – Hani Freeman do Lincoln Park Zoo, em Chicago, desenvolveu uma maneira de avaliar as personalidades dos símios. Ao fazê-lo, ela lança uma luz intrigante não apenas sobre a psicologia dos chimpanzés, mas também sobre a evolução mental do Homo sapiens.

Após analisar uma lista acumulado e revisada por pares de características de personalidades de chimpanzés, ela deu a lista a 17 pessoas que trabalham regularmente com chimpanzés em uma instituição de pesquisa médica no Texas, e pediu a elas que avaliasse os 99 macacos em cada uma das 41 características.

Ela descobriu que pessoas diferentes classificavam os mesmos animais da mesma maneira. Isso sugere que as suas avaliações são confiáveis. Ela também descobriu que as pontuações para itens particulares tendiam a se agrupar. Foram análises desse tipo que revelaram que as personalidades humanas têm cinco dimensões. As personalidades símias, por outro lado, parecem ter seis. Estas são extroversão, afabilidade e abertura, as quais correspondem às dimensões humanas, e reatividade, dominância e metodismo.

Fontes:
The Economist-Planet of the apes

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *