Início » Vida » Comportamento » Americanos estão comendo menos
Saúde

Americanos estão comendo menos

Hábitos alimentares dos americanos estão começando a melhorar depois de décadas de aumento na taxa de obesidade

Americanos estão comendo menos
Consumo de calorias diminuiu, a taxa de obesidade parou de subir para adultos e crianças em idade escolar, e diminuiu nas crianças mais novas (Foto: Pixabay)

Finalmente, os hábitos alimentares dos americanos estão começando a melhorar depois de décadas de aumento na taxa de obesidade. O consumo diário de calorias de um americano adulto está em seu primeiro declínio desde que estatísticas federais começaram a acompanhar o assunto, mais de 40 anos atrás. O ápice do consumo de calorias tinha ocorrido em 2003.

Além disso, o número de calorias que uma criança americana consome diariamente tem caído ainda mais – em pelo menos 9%. O declínio acontece na maioria dos principais grupos demográficos, o que inclui famílias de diferentes rendas, negros e brancos – embora varie um pouco por grupo.

A mudança mais marcante foi a diminuição na quantidade de refrigerante cheio de calorias ingerido pelo americano. A quantidade caiu 25% desde o final da década de 1990.

Assim como o consumo de calorias diminuiu, a taxa de obesidade parou de subir para adultos e crianças em idade escolar, e diminuiu nas crianças mais novas. A melhora no panorama alimentar dos americanos parece ser resultado da crescente compreensão de que comer e beber muito pode prejudicar a saúde. Essa consciência começou a surgir no final de 1990, graças a uma explosão de pesquisas científicas sobre as consequências da obesidade, além das campanhas de saúde pública que aconteceram nos últimos anos.

Embora os dados sejam encorajadores, isso não significa o fim da epidemia de obesidade. Afinal, mais de um terço dos adultos americanos ainda são considerados obesos, o que aumenta o risco de diabetes, doenças cardíacas e câncer. Além do mais, os americanos ainda não comem uma quantidade razoável de frutas e vegetais. Os especialistas dizem que mesmo comendo menos junk food do que antes, eles ainda consomem esse tipo de comida em excesso.

Fontes:
The New York Times-Americans Are Finally Eating Less

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *