Início » Vida » Saúde » Benefícios decorrentes de atividades físicas são exagerados
Saúde

Benefícios decorrentes de atividades físicas são exagerados

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A prática moderada de exercícios pode reduzir as chances de uma pessoa desenvolver diabetes, doenças cardíacas e câncer de mama e no intestino. Acredita-se também que possa trazer benefícios para pessoas com osteoporose. No entanto, os exercícios por si só não levam à perda de peso nem à redução da pressão sanguínea ou do colesterol.

Muitos dizem que para melhorar a saúde basta caminhar 20 ou 30 minutos por dia — e não seria preciso caminhar de uma vez só. Mas não é tão simples. Os exercícios realmente trazem benefícios à saúde. No entanto, muitos deles são exagerados.

Um exemplo é a relação entre a prática de exercícios e a redução do risco de doenças cardíacas. Há evidências que comprovam essa teoria. No entanto, as pessoas que mais se enquadram nessa tendência são aquelas que deixaram de ser sedentárias e passaram a ser moderadamente ativas, isso é, que fazem caminhadas regularmente.

As pessoas ativas são muito menos suscetíveis a fumar, são mais magras e se alimentam melhor que as sedentárias. Por isso, é impossível saber com precisão se os exercícios evitam doenças cardíacas ou se as pessoas que têm menos propensão a ter doenças cardíacas também são mais suscetíveis a se manterem ativas.

Fontes:
NY Times - Does Exercise Really Keep Us Healthy?

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Machado disse:

    Ronaldo o fenômeno, Madonna nos dão o alerta

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *