Início » Vida » Ciência » Cientistas criam dispositivo que move partes do corpo com o pensamento
Força do pensamento

Cientistas criam dispositivo que move partes do corpo com o pensamento

Pesquisadores testam com sucesso um dispositivo que consegue fazer com que pessoas paralisadas movam partes do corpo apenas com o pensamento

Cientistas criam dispositivo que move partes do corpo com o pensamento
Ao testar o dispositivo, Ian Burkhart conseguiu mover e girar o pulso paralisado após acidente (Reprodução/Washington Post)

Cientistas do centro de pesquisa americano Battelle, uma organização sem fins lucrativos, desenvolveram uma tecnologia experimental que permite que pessoas paralisadas após acidentes movam membros apenas com o pensamento.

O método consiste em implantar um chip no cérebro, conectá-lo através de um plug no crânio a uma junta de eletrodos similar à manga de uma camisa. O dispositivo foi testado com sucesso em Ian Burkhart, de 23 anos, que ficou paralisado após um acidente de lancha em 2010.

Após implantar o chip no cérebro de Ian, os cientistas passaram três anos praticando testes em que Ian era orientado a conectar eletrodos de um computador especial ao plug no crânio e mover a imagem de uma mão que aparecia na tela apenas com o pensamento.

Na semana passada, os cientistas concluíram que Ian estava pronto para o que chamaram de “teste verdadeiro”. A junta de eletrodos em forma de manga foi colocada em volta de seu antebraço e conectada ao chip no cérebro.

Em poucos minutos, Ian conseguiu mover e girar o pulso apenas com o pensamento. O sucesso do experimento deu esperanças a Ian de um dia recuperar sua independência. “Seria muito legal conseguir fazer coisas simples, como abrir uma garrafa sozinho”, diz Ian, que desde o acidente depende do pai e da madrasta para tarefas como banho, alimentação e escovar os dentes.

Os cientistas comemoraram o sucesso da experiência. Agora, eles esperam aprimorar o dispositivo, e criar versões capazes de mover outros membros ou substituir o chip no cérebro por uma bandana.

Fontes:
The Washington Post-Science fiction come true: Moving a paralyzed hand with the power of thought

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Carlos U Pozzobon disse:

    Este era o campo de pesquisa do Nicolelis que, pelo visto, foi superado.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *