Início » Notícia » Identificação do câncer de próstata através da saliva
SAÚDE

Identificação do câncer de próstata através da saliva

Uma pequena amostra de DNA contida na saliva pode ajudar os médicos a identificar homens mais propensos a ter câncer de próstata

Identificação do câncer de próstata através da saliva
Um em cada oito homens terá câncer de próstata em algum momento de sua vida (Foto: Wikimedia)

Alguns médicos começaram a fazer um exame simples de saliva para identificar a proporção de 10% dos homens com maior risco de ter câncer de próstata. Segundo as estatísticas, um em cada oito homens terá câncer de próstata em algum momento de sua vida.

De acordo com dados do Instituto de Pesquisa do Câncer do Reino Unido (ICR), a doença é uma das formas mais comuns de câncer entre homens mais velhos e de descendência africana e caribenha, assim como de homens com um histórico familiar da doença.

O novo método de detecção da doença originou-se de um exame de saliva. Após a coleta do material, os cientistas do ICR analisaram mais de 150 marcadores de DNA para identificar os pacientes com mais probabilidade de desenvolver a doença.

Os pesquisadores elaboraram o teste a partir de um grande estudo genético sobre o câncer de próstata, que descobriu 63 genes ligados à doença. Em seguida, os pesquisadores acrescentaram outros 100 marcadores de DNA já estudados em pesquisas anteriores para concluir o estudo.

O novo exame já está sendo realizado em fase de testes em alguns hospitais por clínicos gerais. O objetivo é reduzir os casos da doença em homens que pertencem a grupos de risco, como os de alto risco genético.

“O que mais nos entusiasma é o fato de o teste permitir a identificação de homens mais propensos a contrair a doença. Com base em seus resultados é possível prescrever exames mais específicos, como exames de ressonância magnética e biópsias”, disse Rosalind Eeles, geneticista do ICR.

No Reino Unido, 47 mil homens contraem a doença e 11 mil morrem todos os anos. A genética é um fator de extrema importância e um homem com um histórico familiar de câncer de próstata com parentes próximos, como pai e irmão, tem o dobro de probabilidade de desenvolver a doença.

Os resultados da pesquisa relatados na revista científica Nature Genetics referem-se a apenas 28% do risco hereditário do câncer de próstata. Outras variantes genéticas podem ser consequência de mutações raras, ou de sequências de DNA com um impacto insignificante na doença. No entanto, mesmo com tantas informações ainda a descobrir, os cientistas do ICR estão decididos a aplicar o teste para detectar o maior número possível de homens mais suscetíveis à doença.

“Essa pesquisa pode ajudar os homens a entender as implicações da genética no câncer de próstata e, assim, a ter outro tipo de diálogo com os médicos sobre a doença”, disse Iain Frame, diretor de pesquisa do Institute Prostate Cancer UK. “Os novos testes diagnósticos são essenciais para detectar a doença em seu estágio inicial e estamos desenvolvendo pesquisas para aperfeiçoá-los”.

 

Leia também: Tratamento experimental de câncer de próstata reverte dois casos avançados
Leia também: Câncer de próstata mata um homem a cada 40 minutos no país

Fontes:
The Guardian-Trials begin of a saliva test for prostate cancer

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. ALEX BONIFÁCIO disse:

    O Estado brasileiro deveria investir mais na Saúde Pública, pois a própria Constituição do Brasil nos dá esta garantia, mas que infelizmente a classe política parece não se preocupar muito sobre o citado assunto. Na rede pública é sabido que muitos pacientes vêm perdendo as suas vidas por conta da demora na detecção do problema. Eu acho que já passou da hora de haver de fato o compromisso político coma nação.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *