Início » Pelo Mundo » Investigação faz vendas da KFC despencarem na China
Fast Food

Investigação faz vendas da KFC despencarem na China

A americana Yum! Brands, proprietária da KFC, Pizza Hut e Taco Bell, enfrenta problemas de segurança alimentar na China

Investigação faz vendas da KFC despencarem na China
Fornecedores da KFC injetaram quantidade excessiva de antibióticos em seus frangos (Reprodução/AFP)

“Nossa comida é perfeitamente segura”. Vindo da empresa que já se gabou do fato de seu frango frito ser “de lamber os dedos”, este é um slogan um tanto modesto. Mas a Yum! Brands, a proprietária da KFC, Pizza Hut e Taco Bell, tem uma boa razão para soar defensiva. Um escândalo de segurança alimentar na China, seu mercado mais importante, se recusa a arrefecer.

Uma devassa em dezembro na CCTV, rede de televisão nacional da China, afirmou que fornecedores locais do KFC haviam injetado uma quantidade excessiva de antibióticos em seus frangos. Uma investigação oficial foi iniciada e ultraje foi manifestado nas mídias sociais chinesas. Durante uma divulgação de resultados trimestrais em 5 de fevereiro, os executivos da Yum! ressaltaram o lado positivo: as vendas mundiais cresceram 5% em 2012, e a empresa abriu 1.976 lanchonetes novas. A agência reguladora chinesa decidiu não levar adiante ações contra a Yum!, embora seus fornecedores ainda estejam sendo fiscalizados com rigor.

Ainda assim a empresa reconhece que as vendas da KFC na China caíram em acachapantes 41% em janeiro. Como um todo, vendas na mesma loja em lanchonetes chinesas caíram em 6% no quatro trimestre de 2012 contra o mesmo período do ano passado. Este mesmo valor em 2011 foi um aumento de 21%. A Yum! terá que revisar suas previsões de lucros para 2013 “significativamente”.

Fontes:
The Economist-Yucky Kentucky

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *