Início » Vida » Ciência » Leitura de e-book durante a noite pode prejudicar sono, revela pesquisa
Estudo

Leitura de e-book durante a noite pode prejudicar sono, revela pesquisa

Experimento indica que e-readers, que emitem luz, suprimem hormônio do sono

Leitura de e-book durante a noite pode prejudicar sono, revela pesquisa
Leitores de livros impressos não tiveram alteração na taxa do hormônio do sono (Reprodução/ Internet)

Ler um e-book antes de dormir em um aparelho que emite luz pode ser prejudicial à saúde, de acordo com um novo estudo americano. O uso desses aparelhos pode afetar tanto o sono durante a noite quanto o estado de alerta na manhã seguinte.

Leia mais: O futuro com os e-books

Leia mais: Amazon vendeu mais e-books do que brochuras

Leia mais: E-books turbinados começam a ocupar espaço no mercado

O estudo, publicado no site da Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), foi feito por pesquisadores da faculdade de medicina de Havard. Eles fizeram um experimento de duas semanas com 12 jovens adultos saudáveis. Os participantes deveriam ler e-books em aparelhos que emitissem luz, ou livros impressos por quatros horas antes de dormir. Os que leram e-books levaram em média quase dez minutos a mais para pegar no sono, além de ficarem menos sonolentos uma hora antes de dormir, do que os que leram a versão impressa.

Além disso, os leitores de e-books sofreram com uma supressão dos níveis noturnos do hormônio melatonina, que promove o sono, enquanto os leitores de livros impressos não tiveram nenhuma alteração nessa taxa. Os pesquisadores também relataram que os participantes que leram e-books levaram mais tempo para despertar completamente e atingir o mesmo nível de alerta na manhã seguinte do que os participantes do livro impresso.

“A luz emitida pela maioria dos e-readers brilha diretamente nos olhos dos leitores, enquanto no caso do livro impresso ou no do Kindle original, o leitor só é exposto à luz refletida das páginas do livro”, explicou o pesquisador Czeisler à BBC, na última terça-feira, 23.

No relatório, os estudiosos escreveram: “o uso de aparelhos eletrônicos de leitura, comunicação e entretenimento, que emitem luz, aumentou significativamente recentemente. Nós consideramos que o uso deles antes de dormir prolonga o tempo para pegar no sono, atrasa o relógio circadiano [ciclo metabólico diário dos animais], suprime os níveis de melatonina, reduz a quantidade e o tempo do sono REM [fase em que se tem os sonhos mais vívidos], além de reduzir o estado de alerta na manhã seguinte”.

Outra preocupação relacionada com a deficiência de sono seria o aumento do risco de doenças cardiovasculares e metabólicas, como diabetes e obesidade.

Fontes:
The Guardian-Ebooks at night won’t help you sleep tight, US study finds

1 Opinião

  1. Eduardo Silva disse:

    Dica Descobri um site muito bom para quem é apaixonado por livros, é o flixbook.com.br que custa só 2 reais e tem acesso ilimitado a mais de 18 mil ebooks… vale a pena visitar!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *