Início » Notícia » Sarampo volta a preocupar autoridades de saúde
ALERTA

Sarampo volta a preocupar autoridades de saúde

Na região Norte, um surto da doença preocupa o Ministério da Saúde

Sarampo volta a preocupar autoridades de saúde
País registra queda da cobertura vacinal contra a doença (Fonte: Reprodução/Agência Brasil)

Apenas dois anos após o Brasil ter sido considerado livre do sarampo pela Organização Pan-Americana de Saúde, a doença volta a preocupar autoridades de saúde.

No estado do Rio, que registrou o último contágio autóctone há 18 anos, há atualmente quatro casos suspeitos em investigação. Na região Norte, um surto da doença preocupa o Ministério da Saúde.

Já são 200 casos confirmados de sarampo desde o início do ano em Roraima, outros 177 estão sendo investigados e 35 foram descartados.

A suspeita é de que a doença tenha retornado ao país por meio de imigrantes vindos da Venezuela. De acordo com dados do Ministério da Saúde, já foram confirmadas 263 notificações de sarampo neste ano no Amazonas. Há ainda outros 1.368 casos em investigação e 125 foram descartados.

A queda da cobertura vacinal contra o sarampo no Brasil desde 2015 contribui para o aumento do risco do retorno de casos da doença no país.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa, que pode ser transmitida pelo ar por meio da tosse e espirros de pessoas infectadas. O contágio também pode ocorrer por meio da saliva e secreções nasais.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que nove a cada dez pessoas não imunizadas que dividam um ambiente com uma pessoa infectada contrairão o vírus.

Fontes:
O Globo - Casos suspeitos no Rio alertam para risco de retorno do sarampo ao estado após 18 anos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *