Início » Vida » Saúde » Um em cada três tipos mais comuns de câncer pode ser evitado
Ciência e saúde

Um em cada três tipos mais comuns de câncer pode ser evitado

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Um relatório feito pelo Fundo Mundial de Pesquisas sobre o Câncer e pelo Instituto Americano para a Pesquisa do Câncer revelou que cerca de um terço dos tipos mais comuns de câncer em adultos pode ser evitado nos EUA.

O relatório ressalta que, com uma dieta adequada, exercícios físicos e mantendo o peso sob controle, é possível evitar 38% dos casos de câncer de mama; 45% dos casos de câncer de colo-retal; 36% dos casos de câncer de pulmão; 39% dos casos de câncer pancreático; 47% dos casos de câncer de estômago; 69% dos casos de câncer de esôfago; 63% dos casos de câncer de boca, faringe ou laringe; 70% dos casos de câncer do endométrio; 24% dos casos de câncer de rins; 21% dos casos de câncer de vesícula; 15% dos casos de câncer de fígado; e 11% dos casos de câncer de próstata.

No total é possível evitar 34% destes 12 tipos de câncer, e 24% de todos os tipos de câncer nos EUA. Essas estimativas se enquadram à população norte-americana em geral. O relatório fornece também algumas dicas para governos, escolas, meios de comunicação e outras instituições do mundo inteiro, incentivando hábitos saudáveis, como o uso de bicicletas.

Fontes:
WebMD - 1 in 3 Common Cancers May Be Preventable

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. wilson disse:

    Imagine então o que evitaríamos se não se fumasse, não se respirasse ar poluído ou não se ingerisse alimentos artificiais…

  2. EDVALDOTAVARES disse:

    QUANDO A CAUSA DESENCADEANTE ENCONTRA A PREDISPONENTE É DOENÇA NA CERTA

    Todo médico aprendeu isto quando estudante de medicina na cadeira de Patologia.

    Isto mesmo, deve ser entendido desta maneira como ponto final e acabou.

    Esquecer este princípio da patologia é esquecer toda a medicina.

    Qualquer causa predisponente precisa de uma desencadeadora para que a doença apareça. É como todo combustível ou inflamável necessita de quantidade adequada de calor, por exemplo: uma chama ou aumento de temperatura, para se incendiar ou explodir. O mesmo pode ser dito para qualquer manifestação de uma patologia (doença). As heranças genéticas (câncer ou quaisquer outras doenças ainda não manifestas) necessitam de um estímulo desencadeante. Há pessoas que têm herança genética para câncer ou outras doenças e nunca manifestarão tais patologias. Este estímulo, o desencadeante, pode ser ambiental – poluição atmosférica. Ingestão de líquidos, alimentos ou recepção dermatológica de produtos que tenham os agentes desencadeantes das doenças, ao manter contato com essas predisposições genéticas, os organismos manifestarão doenças.

    Nós, do Sistema Raiz da Vida, temos divulgado, embasados na seriedade científica, a importância de uma boa nutrição para todas as idades – desde o feto na barriga da mãe até às pessoas de idades mais avançadas.

    Os leitores precisam saber que ninguém, idoso ou não, tem obrigação de ser doente e ficar tomando os venenos vendidos nas drogarias e farmácias que são indevidamente chamados de remédios.

    Creio que o Opinião & Notícia, conhecido pela seriedade e honestidade, me apoiará publicando esta opinião, de minha exclusiva responsabilidade.

    Afirmo e reafirmo: ninguém precisa ser doente e, farmácias e drogarias deveriam ser exceção, não regra.

    O erro começa dentro do útero da mãe, quando o bebê recebe os estímulos nocivos resultantes de uma nutrição materna inadequada, continuando na vida extra-uterina e, assim, por toda a vida.

    O conteúdo do título, “Um em cada três tipos mais comuns de câncer pode ser evitado” está em acordo com o que prega o Sistema Raiz da Vida.

    A desgraça da humanidade está no que entra pela boca e por ela tem entrado o “Progresso?!”

    EDVALDO TAVARES, médico, CRMDF-7265, Diretor Executivo do Sistema Raiz da Vida, http://www.raizdavida.com.br. BRASÍLIA/DF.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *