Início » Brasil » Vacina contra câncer de pele é testada com sucesso em cobaias
SAÚDE

Vacina contra câncer de pele é testada com sucesso em cobaias

Tratamento foi desenvolvido por pesquisadores brasileiros e conseguiu eliminar a doença por completo em algumas cobaias

Vacina contra câncer de pele é testada com sucesso em cobaias
Com os resultados positivos, os pesquisadores vão avançar nos testes (Foto: CNPEM/Divulgação)

Pesquisadores brasileiros desenvolveram uma vacina contra o câncer de pele e obtiveram resultados positivos em testes feitos com camundongos. Em alguns casos, a doença foi eliminada completamente. As análises foram publicadas na revista científica Frontiers in Immunology.

Para os testes, os cientistas usaram diferentes combinações de células tumorais de melanoma do próprio animal modificadas geneticamente. Com a vacina desenvolvida, os pesquisadores aplicaram-na em camundongos com câncer de pele (melanoma). Em alguns animais, a doença foi erradicada completamente, enquanto outros demonstraram avanço no combate ao câncer.

“A vacina consiste em modificar células tumorais para que produzam imunomoduladores. Estes imunomoduladores estimulam as células de defesa do organismo a identificar e eliminar o câncer”, explicou o coordenador do estudo, Marcio Chaim Bajgelman, do Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas, ao G1.

O objetivo dos pesquisadores era colocar os animais em situação semelhante ao dos seres humanos que sofrem com a doença, fazendo com que a doença se desenvolvesse a partir de células próprias. O resultado mostrou que os animais que receberam a vacina corresponderam melhor ao combate da doença, estimulando o sistema imunológico.

“Nossos estudos demonstraram a possibilidade de curar o câncer em experimentos com animais. Além disso, uma observação interessante foi que animais curados e redesafiados com novos tumores apresentaram uma resposta duradoura, sugerindo-se o desenvolvimento de uma memória imunológica antitumoral”, afirmou Baigelman ao G1.

Com os resultados positivos, os pesquisadores vão avançar nos testes, usando tecidos humanos removidos cirurgicamente para analisar o desempenho do método. Depois, caso obtenham sucesso, podem avançar ainda mais nas pesquisas, simulando efeitos no corpo humano com o auxílio de “animais humanizados” – animais com material genético modificado para imitar o funcionamento do organismo humano.

No futuro, usando a pesquisa como base, os cientistas querem desenvolver a vacina para outros tipos de câncer com células derivadas do câncer de mama e de próstata. Para Baigelman, esse tipo de tratamento, depois que comprovado a eficácia, pode ser usado juntamente com outros métodos.

Fontes:
G1-Vacina contra o câncer de pele desenvolvida no Brasil é testada com sucesso em cobaias, diz estudo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *