Início » Notícia » Segundo PNS, 40% dos brasileiros têm doenças crônicas
Saúde

Segundo PNS, 40% dos brasileiros têm doenças crônicas

Dois em cada cinco brasileiros tem alguma doença crônica não transmissível, principalmente hipertensão e depressão

Segundo PNS, 40% dos brasileiros têm doenças crônicas
Casos de hipertensão atingem um a cada 5 brasileiros (Foto: Reprodução/Estadão)

Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira, 10, 40% dos brasileiros têm alguma doença crônica e não transmissível. Ainda segundo o estudo, essas doenças representam 70% das mortes no país.

O senso feito pelo IBGE entrevistou 146,8 milhões de brasileiros. Desses, 57,8 milhões afirmaram ter alguma doença com essas características. Essas doenças estão ligadas à má alimentação, hábitos não saudáveis como beber e fumar e falta de exercício físico. Hipertensão é um exemplo de doença do gênero.

“O monitoramento destes fatores de risco e da prevalência das doenças a eles relacionados é primordial para a definição de políticas de saúde voltadas para prevenção destes agravos”, diz a pesquisa.

Um quinto dos brasileiros sofre de hipertensão, a causa principal de doenças no coração, na pesquisa 31,3 milhões de pessoas relataram diagnóstico de pressão alta e 14,1% foram internados por isso. A porcentagem de mulheres diagnosticadas com casos de pressão alta é maior que a dos homens, 24,2% para elas e 18,3% para eles. O número de pacientes cresce ainda mais ao olhar as pessoas com mais de 65 anos, mais de 50% delas tem casos de hipertensão.

A pesquisa também divide os casos da doença de acordo com a escolaridade. Entre os mais instruídos, apenas 18,2% têm casos de pressão alta, enquanto entre as pessoas com escolaridade mais baixa 31% já tiveram o diagnóstico. Além disso existem as pessoas que nunca tiveram a pressão medida, 3% dos brasileiros. A região que mais tem pessoas que nunca tomaram medida é a Norte, 7% da população local.

Outros fatores de risco de doenças cardiovasculares também foram analisados, como colesterol alto e diabetes. O estado com maior porcentagem de casos de altas taxas de gordura no sangue é Minas Gerais (14,8% entre os homens e 16,8% entre as mulheres). Já a diabetes atinge mais gravemente estados das regiões norte e nordeste, tendo o maior número de casos no Maranhão (25,9%).

Depressão se alastra nas cidades

Mais de 11 milhões de brasileiros já foram atingidos pela depressão, segundo o estudo. A maior parcela deles vive nos grandes centros urbanos. As regiões que apresentam a maior quantidade de casos da doença psíquica são Sul (12,6%) e Sudeste (8,4%). Um dos índices da pesquisa mostra como a doença é subestimada, apenas 46,4% das pessoas diagnosticadas com depressão receberam tratamento.

Segundo o estudo, um décimo da população nacional é atingida pela doença. Ao olhar somente para o gênero masculino a proporção cai para 1 em cada 25. Segundo a gerente da PNS, Maria Lúcia Vieira, os índices de casos da doença em mulheres aparecem à frente nas pesquisas por elas terem o hábito de procurar tratamento, enquanto os homens evitam consultas médicas.

“Há uma resistência ainda maior dos homens em procurar o profissional de saúde mental. Acredita-se que as mulheres tenham uma facilidade maior de procurar esses profissionais e até de assumir a depressão”, concluiu Maria Lúcia.

Fontes:
Estadão-40% dos brasileiros têm doença crônica não transmissível, diz IBGE

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *