Início » Vida » Tecnologia » Chocolate e eletricidade
Fontes alternativas

Chocolate e eletricidade

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Engenheiros do setor público de New Hampshire, maior consumidor de energia do estado norte-americano, estão testando uma nova forma de geração de eletricidade, a partir de carvão misturado com cascas de grãos de cacau.

As 16,4 toneladas de cascas de grãos de cacau utilizadas no teste vieram da Europa pela subsidiária nos EUA da fábrica suíça de chocolates Lindt. Atualmente o braço norte-americano da empresa, sediado em New Hampshire, importa todo o chocolate que utiliza da Europa, mas a partir de 2010 deve começar a processar grãos de cacau.

Assim, se tudo correr bem (o resultado do teste deve sair em poucas semanas), a partir do próximo ano o governo de New Hampshire poderá aproveitar as cascas de grãos de cacau que seriam descartadas para ajudar a gerar energia.

 

Fontes:
Economist - Power from chocolate: The mighty bean

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. Dorival Silva disse:

    Interessante usar as cascas de cacau. Mas o volume disponível não deve ser muito grande.

  2. ruthinha disse:

    Puxa, mas que caro. Estas receitas caseiras são divertidas. Sugiro que comam o cacau, e acabem com o carvão para sempre. Esse primeiro mundo parece que quer muito preservar o malvado carvão.

  3. berenice disse:

    Ai, já penso na maneira que estão preparando uma alta para o meu chocolate.Isto é engodo de americano, queR ocorrer da mesma forma que o café.Misturando, milho, cascas do que não sei, por fim um pouquinho do café(sic) será que não é o aroma, e somos mais uma vez enganados.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *