Final de Pantanal: GUSTAVO E Madeleine AINDA VÃO APARECER NA NOVELA?

O final de Gustavo em Pantanal de 2022 chegou. O personagem de Caco Ciocler resolveu dar um novo rumo a sua vida e se despediu da trama da novela das 21h da TV Globo. Na versão de 1990, a saída do personagem foi diferente e sem nenhuma explicação ao público. Vivido por José de Abreu na época, o ator foi retirado do folhetim após a morte de Madeleine e retornaria no desfecho da novela, mas foi esquecido pela produção.

Como foi o final de Gustavo em Pantanal de 1990?

Em 1990, Gustavo parou de aparecer de repente na novela Pantanal e não teve um final definitivo. O personagem ficou sem função na trama, após a morte de Madeleine, e o diretor Jayme Monjardim resolveu tirá-lo da história, sem dar um desfecho de verdade ao psicólogo.

De acordo com José de Abreu, que cedeu entrevista a coluna de Patrícia Kogut do O Globo, a ideia de deixar Gustavo sem final na novela Pantanal partiu do diretor também por conta do núcleo do Rio de Janeiro não fazer sucesso entre o público do folhetim. O ator explicou: “o Jayme (…) tinha aquele medidor de Ibope. Sempre que a novela mostrava o núcleo do Rio, a audiência caía. Então, ele e o Benedito queriam manter a história no pantanal, óbvio. E a parte do Rio foi diminuindo. Aí a Ítala saiu (…) e eu fiquei com poucas cenas”.

O famoso revelou que em seguida, Monjardim o convidou para gravar outro projeto. José de Abreu perguntou o que aconteceria com Gustavo em Pantanal e o diretor comentou que como o núcleo do Rio não estava funcionando, Gustavo sairia da trama e retornaria só no desfecho da novela.

No fim, Gustavo não voltou no final da novela Pantanal. Abreu explicou que os planos eram que médico aparecesse na chalana nos últimos capítulos. Porém, isso não aconteceu. Quando ligou para o diretor, Monjardim revelou que havia esquecido do assunto, mas o convidou para a próxima novela da Manchete, A História de Ana Raio e Zé Trovão, e o ator aceitou interpretar o personagem Roberto Dantas na nova trama.

Final de Gustavo no remake de Pantanal

Em 2022, Gustavo ganhou um final na novela Pantanal. Após o acidente de avião de Madeleine, o psicólogo ouviu um áudio que a mãe de Jove deixou para ele, o que se tornou a despedida da dupla. Depois, o médico ficou pensativo sobre a vida e resolveu mudar.

O personagem decide fechar seu consultório e saiu em viagem. Antes, ele explicou que deu alta aos pacientes que já podiam deixar as consultas para trás, indicou para colegas os que ainda não estavam prontos para sair da terapia, e convidou Nayara (Victoria Rossetti) para ir embora com ele.

Gustavo foi o responsável pela fuga de Madeleine do Pantanal na primeira fase da novela Pantanal:

Gustavo de 1990 x 2022

Em 1990, Gustavo foi interpretado por José de Abreu nas duas fases da novela Pantanal. Diferente de outros personagens, que ganharam novos atores no papel, o visual de Abreu mudou e ele continuou na pele de Gustavo. Na época, o ator já estava nas telinhas há bastante tempo. Hoje com 76 anos de idade, o ator tinha 44 anos quando viveu Gustavo. No total, são 54 anos de José de Abreu dedicados ao cinema e televisão.

O ator começou sua carreira na frente das câmeras em 1968, quando fez uma participação no filme Anuska, Manequim e Mulher. No ano seguinte foi Christian em A Intrusa e no começo dos anos 1980 estreou na TV Globo, com a série As Três Marias.

Antes de ser Gustavo na novela Pantanal, personagem que ficou sem final, ele esteve em projetos como Quem Não Ama não Mata (1982), Corpo a Corpo (1984), O tempo e o Vento (1985) e Tititi (1985).

Depois dos folhetins da Manchete, ele esteve em outros grandes projetos, como Tieta (1989 – 1990), Renascer (1993), Sonho Meu (1993), A Indomada (1997), Porto dos Milagres (2001), A Casa das Sete Mulheres (2003), Senhora do Destino (2004 – 2015), Caminho das Índias (2009), Insensato Coração (2011), Avenida Brasil (2012), entre outros.

O trabalho mais recente do ator foi na antecessora de Pantanal na faixa das 21h da TV Globo. José de Abreu viveu Santiago na novela Um Lugar ao Sol (2021).

Gustavo do remake

Já na versão da Globo, o personagem ganhou dois atores diferentes. Primeiro o papel ficou com Gabriel Stauffer, ator de 33 anos de idade, e depois a missão passou a ser de Caco Ciocler, de 50 anos.

Gabriel está nas telinhas desde 2013, quando trabalhou no especial Se Nada Der Certo. Depois, ele estreou na TV Globo com a minissérie Nada Será Como Antes (2016).

Em 2017, o ator esteve em sua primeira novela, A Força do Querer, como o personagem Claudio. Depois, ele apareceu em séries como Sob Pressão (2018) e Todas as Mulheres do Mundo (2020). Os trabalhos mais recentes do ator são a novela Pantanal, como Gustavo, e a série De Volta aos 15, da Netflix.

Caco já é um nome bastante conhecido das telinhas. O galã está na TV Globo desde 1995, quando esteve em A Próxima Vítima. Depois, ele atuou no sucesso de Benedito Ruy Barbosa, O Rei do Gado (1996), e esteve em Por Amor (1997), Corpo Dourado (1998) e A Muralha (2000).

O ator esteve em produções famosas como o sucesso Chocolate com Pimenta (2003 – 2004), América (2005), Páginas da Vida (2006 – 2007), Duas Caras (2007 – 2008), Caminho das Índicas (2009), Salve Jorge (2012 – 2013), entre outras. O projeto mais recente do ator é o filme Caminho dos Sonhos (2021) e a novela Pantanal, em que agora ganhou seu final como Gustavo. Antes disso, eles esteve na série Unidade Básica e na novela Éramos Seis (2019).

Compartilhe isso:

TV MRNews Não perca também:

Fonte: mrnews.com.br/index.php/2022/05/30/final-de-pantanal-gustavo-e-madeleine-ainda-vao-aparecer-na-novela

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.