Como Fórmula E pretende voltar a ter pit-stop em 2023 – Notícia de Fórmula E – Grande Prêmio

Entre tantas mudanças programadas para o ano que vem — com a dança das cadeiras entre os pilotos, a estreia dos carros Gen3 e a entrada de novas equipes —, a Fórmula E prepara uma outra novidade: o retorno dos pit-stops, um dos objetivos da categoria para a próxima temporada. As paradas fizeram parte das corridas pelas quatro primeiras temporadas da modalidade, mas foram abandonadas após a implementação dos carros Gen2.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

A Fórmula E retorna a Tempelhof para decidir um campeão (Foto: Fórmula E)Fórmula E quer voltar com pit-stops no ano que vem (Foto: Fórmula E)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Sendo assim, a Fórmula E vai realizar ao longo do mês de junho alguns testes com as equipes fornecedoras da categoria com um novo equipamento de recarga rápida de bateria. Os testes visam avaliar se a tecnologia pode, de fato, funcionar na categoria de monopostos elétricos. Caso o resultado seja positivo, a medida é vista como fundamental para aumentar o número de possibilidades estratégicas dentro das corridas.

Enquanto as equipes sediadas no Reino Unido vão fazer seus testes na Inglaterra, os demais times europeus realizarão suas simulações em um território ainda não divulgado — mas dentro da Europa. Apesar da novidade, ainda existe expectativa para saber se a tecnologia de fato vai se aplicar à categoria e também em relação aos custos que pode gerar às equipes. É sobre isso que João Pedro Nascimento fala no vídeo desta semana.

imagem03-06-2022-03-06-05

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.