Novo Maserati MC20 conversível tem capota de vidro com opacidade ajustável | Quatro Rodas

Lançado em 2020, o Maserati MC20 surgiu como uma tentativa de recolocar a fabricante italiana no mercado. Sua principal inovação estava no motor V6 Nettuno que, pela primeira vez em 20 anos, foi feito em casa, em vez de ser um conjunto reaproveitado da Ferrari.

Maserati MC20 CIELO traseira estrada No lugar do vidro transparente que mostrava o motor, a Maserati optou por um adesivo do logo da marca Divulgação/Maserati

Cerca de dois anos depois o superesportivo retorna, mas dessa vez como um conversível. O Maserati MC20 Cielo aproveita tudo de melhor que o cupê tem, como o próprio motor, e introduz uma novidade que pode agradar os fãs de roadsters.

Só pelo nome ‘Cielo’ (que em italiano significa céu) já entrega a inspiração por trás do modelo. A principal adição é o novo teto de vidro retrátil, que pode ir de transparente para completamente opaco com apenas o toque de botão, como no BMW iX. A novidade chega, segundo a marca, para trazer uma “experiência de dirigir multissensorial” e uma sensação de “céu infinito”.

Maserati MC20 CIELO lateral pista Embora seja interessante, a tecnologia que altera a opacidade do vidro não é novidade. Modelos como o Porsche Taycan já utilizaram um sistema semelhante anteriormente Divulgação/Maserati

A nova coloração também remete ao céu, embora seu nome não reflita isso. A Aquamarina é a cor metálica de três camadas criada para o Maserati MC20 Cielo, desenvolvida a partir de um cinza pastel com a adição de brilho aquamarina – ou turquesa, para facilitar.

capota Maserati MC20 Cielo – Divulgação/Maserati

Obviamente que a conversão trouxe algumas mudanças entre as versões. A principal delas são os 65 kg a mais (no total, são 1.540 kg) resultantes de reforços estruturais, que a Maserati diz que pouco interferem no desempenho do MC20 Cielo. Nele, também não é possível ver o V6 Nettuno pelo lado fora, já que o deck que guarda a capota substitui o vidro transparente do cupê.

Falando no motor, principal destaque no lançamento do MC20, ele manteve seus números inalterados. Ou seja, são 630 cv e 74,4 kgfm que fazem o Cielo ir de 0 a 100 km/h em 3,0 segundos, apenas 0,1 segundo mais lento que o irmão de teto fixo.

Continua após a publicidade

Maserati MC20 CIELO traseira céu Por padrão, o MC20 Cielo oferece volante em Alcantara, assim como o cupê Divulgação/Maserati

A Maserati declara que o MC20 Cielo tem velocidade máxima de “mais de” 320 km/h. Diferente da versão mais leve, onde era citado “mais de” 325 km/h. A mudança, claramente, é por conta dos quilos a mais.

Maserati MC20 CIELO vista superior – Divulgação/Maserati

Para minimizar um pouco o problema do peso, o comprador pode optar pelo conjunto de aros em fibra de carbono, que reduzem em aproximadamente 30 kg o peso total do veículo. Esse, junto com as rodas com tema de numeral romano, volante em fibra de carbono e coluna de direção eletricamente ajustável são opcionais introduzidos também para o cupê ano-modelo 2023.

Maserati MC20 CIELO frontal – Divulgação/Maserati

Outra alteração singela está nos seletor giratório dos modos de condução. Foi adicionado um touchpad no centro do botão giratório, que permite ao motorista alternar entre os modos Wet, GT, Sport, Corsa e ESC Off apenas deslizando o dedo.

Assine as newsletters QUATRO RODAS e fique bem informado sobre o universo automotivo com o que você mais gosta e precisa saber. Inscreva-se aqui para receber a nossa newsletter imagem25-05-2022-23-05-40 Aceito receber ofertas produtos e serviços do Grupo Abril.

Cadastro efetuado com sucesso!

Você receberá nossa newsletter todas as quintas-feiras pela manhã.

No mais, o Maserati MC20 Cielo traz um conjunto de equipamentos de assistência e seguranças dignos do seu cacife. A câmera de visão traseira com monitoramento de ponto cego permanece, assim como os sensores de estacionamento. De novo, o cabriolet traz câmera de 360°, frenagem autônoma de emergência e informações de sinais de trânsito.

Maserati MC20 CIELO tres quartos – Divulgação/Maserati

Os preços do novo Maserati MC20 Cielo ainda não foram divulgados. Nos EUA é possível comprar o cupê por U$ 216.995 (cerca de R$ 1.054.000 na cotação atual), logo pode-se esperar alguns milhares de dólares a mais pelo conversível.

Além do Cielo, a Maserati prepara ainda uma versão elétrica para o MC20, porém ainda pouco se sabe sobre ela. Mais informações poderão surgir na estreia mundial do conversível que terá como tema principal — adivinhem — o céu.

Continua após a publicidade

Quatro Rodas no YouTube

BMW iX: 25 absurdos do elétrico que se conserta, tem som 4D e roda mais de 600 kmYouTube Video O mais novo carro elétrico à venda no Brasil é um SUV com características de automóvel e smartphone. O BMW iX só tem telas curvas no painel, já virá preparado para a internet via 5G e tem som 4D. Ele é vendido em duas versões e a mais cara é equipada com dois motores elétricos que rendem até 523 cv e 78 kgfm. E o melhor tem a maior autonomia do país com 630 km. Confira!1Notícias Dono de Fusca que viajou por 16 países com o cachorro morre em acidente2Notícias Por R$ 72.990, Peugeot 208 1.0 Firefly é mais barato e completo que o Argo3Notícias VW Golf R mais potente da história chega com mais de 330 cv4Especial Designer faz sucesso mundial recriando carros clássicos nacionais5Notícias Audi Q3 voltará a ser montado no Brasil em julho, mas já está mais barato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.